segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Quer Crescer? Aguente as Pedras…

Quer ter uma vida vitoriosa? Então se prepare para as pedras que virão!
Todos desejam uma vida abundante, próspera, de sucesso. Mas nem todos estão preparados para a oposição!
Não adianta… Se a pessoa quer construir algo de valor, se quer reconstruir algo que está destruído, se você consegue colocar em prática seus sonhos e objetivos… Então, se prepare para os ataques!
Vários homens e mulheres de Deus foram atacados no passado, e hoje tudo permanece igual:
- José: foi vendido pelos irmãos, traído na casa do Patrão, foi para a prisão, e só depois se tornou Governador do Egito.
- Moisés: 250 homens junto de 03 líderes, levantaram uma rebelião contra ele. Não foi nada fácil.
- Davi: Quase 10 anos, foi perseguido implacavelmente, pelo Rei Saúl.
- Daniel: os príncipes, com inveja de Daniel se levantaram contra ele e foi parar na cova com os leões. Da cova, ele saiu para ser 1º Ministro do Império da Babilônia.
- Jesus: (Lc 24:26 – “Pois era preciso que o Messias sofresse e assim recebesse de Deus toda a glória.”) Se você quer ter vitórias, então se prepare para a GUERRA.

No livro de Neemias 6, vemos a história deste homem que teve muita oposição na sua empreitada. E sua história continua acontecendo nos dias de hoje, ou seja:

Quando você não tem nada, não está fazendo nada, não está construindo nada, não deseja nada, não tem objectivo, ninguém se incomoda com você, mas basta que a sua vitória comece a ser desenhada… Quando começam a ver a obra de Deus sendo realizada na sua vida através dos seus desejos, seus projetos… Pode ter certeza que irão te atacar…

Vitória não vem sem esforço, sem sacrifício. Nada se constrói com facilidades!

Jerusalém estava destruída, muros derrubados, povo passando fome, tudo arrasado… Neemias determinou reconstruir a cidade… Sambalate, Tobias, Gesém e o restantes dos inimigos logo se opuseram a ele… “Pasmem” ao ver o jogo que estes adversários armaram para tentar destruir o projeto de Neemias…

Como tentaram parar Neemias e vão tentar nos parar. Quais as atitudes para não sermos paralisados?

1) Os inimigos se unem para tentar nos destruir – As forças do mal se reúnem para tentar parar o nosso projeto. Eles estavam vendo tudo destruído, o povo passando fome e não davam importância, foi só aparecer alguém com ideias, com projetos para a reconstrução, com atitudes, que eles ficaram incomodados.
Hoje não é diferente… Se você está desempregado, endividado, ganhando um “salarinho” que mal dá para comer, ninguém se preocupa com você. Basta você começar a planejar a sua vitória, agir em função dos seus objetivos, pronto! Começa a ajuntar gente contra você.

2) Sedução – Surgem “amigos” repentinos. Tentam nos trazer para perto, tentam se passar por “amigos”. Se seus perseguidores propõem a paz, cuidado. Insistem para ficar junto deles. Eles não querem paz, querem nos parar, nos derrotar, impedir nosso crescimento. Não crescem e não desejam nos ver crescer! No fundo querem destruir aquilo que nós estamos construindo. Cuidado para você não colocar inimigos junto de você…

O mal não desiste fácil, convidou Neemias 4 vezes para se juntar a eles! (Lc 4:13) Na tentação de Jesus vemos que: quando Ele venceu satanás, está claro, “o diabo se ausentou dele por algum tempo”…Pela 5ª vez afrontaram Neemias, mudaram de estratégia acusando ele de desejar ser Rei, intrigas para colocá-lo contra o Rei Artaxerxes. Não perca seu tempo com mentiras, com calúnias, difamações, com informações que aparentemente são verdadeiras. Neemias não parou para ficar se justificando… Não deu atenção…

3) Pressão psicológica – Tentam colocar medo de que nosso projeto é muito grande, é prepotência e impossível para nós, alegam que já tem gente fazendo a mesma coisa ou que já fizeram isso, e os que estão tentando começar, estão “quebrando a cara”… O medo nos faz perder os sonhos, paralisa o nosso potencial, a nossa fé e neutraliza a nossa caminhada. Vão agir para tentar destruir os projetos que Deus colocou no nosso coração.

4) Suborno – Pessoas irão se vender para nos tentar impedir. Há pessoas que se vendem, só para tentar impedir seu crescimento na empresa. Se vendem por inveja, por ciúme, por incapacidade… Tal como Judas, muita gente tem seu preço, mesquinho, 30 moedas… Só para ter o prazer de te ver derrotada e para que os planos de Deus não aconteçam na sua vida! São os ataques que iremos enfrentar, seja no ramo que for…pedrada

5) Falsos irmãos – Se aproximam só para saber nossos planos, se fingem de “amigos”, fofoqueiros, pessoas de 2 caras, fazem o jogo do diabo. Se juntam a você para pegar informações e levar para o outro. É um leva e trás terrível… Muitas vezes caímos nestas ciladas igual um “patinho”… São falsos, só para impedir a nossa vitória. Fazem aliança com Deus e com o diabo.

A vitória tem um preço, não há vitória de graça. Quer ter vitória? Pague o preço do tempo, do esforço, corra os riscos, batalhe!

Não se iluda achando que Deus está com você e não precisa batalhar, pelo contrário, Ele também estava com Israel, Ele é DEUS DE GUERRA! Para conquistar a terra terá batalhas, virão lutas.

Atitudes para se tornar um Vencedor / Neemias – Seus Segredos de Vitória:

1) Continue – siga em frente; nada pode nos parar, continue no seu objetivo, no seu alvo, no seu projeto, vai ter lutas, oposição, mas siga em frente!

2) Valorize seus sonhos – Aprenda a valorizar o que você está fazendo, seus objectivos! Não tenha medo de declarar que seu sonho é grande… Deixa debocharem de você, deixa falarem mal de você, mas não desista da grandeza do que Deus te revelou. Não se preocupe com o objetivo dos outros, foque no seu alvo. Declare: O MEU OBJETIVO É GRANDE!

3) Priorize o seu projeto – O seu projeto é a prioridade, não pare em hipótese alguma. Não se desvie daquilo que deseja, não deixe seu projeto cair para segundo plano! Não deixe que outras coisas tornem seus projetos secundários. Não perca o foco!

4) Dependa de Deus – Neemias pediu socorro a Deus! Fale com Deus sobre seu projeto, fale com Deus sobre seus sonhos, fale o que seus inimigos estão fazendo, clame a Ele sobre suas dificuldades, peça ajuda a Deus. Fale com Ele sobre a pressão que você está enfrentando. Ore, desabafe, clame por Ele, seja sincero que Ele vai te ajudar. (Isaías 43:13 – Peça ajuda a Deus) O Senhor renova suas forças (Isaías 40:31). Fale com seu PAI, você não é bastardo!

5) Não Tema ao Desafio – Enfrente as lutas, não fuja do problema. Se é diabo, ele terá que fugir de vós (Tiago 4:7)! Não seja homem (mulher) de correr diante das dificuldades. Não seja covarde! Seja forte!

6) Tenha Luz própria (Tenha discernimento espiritual) – Neemias estava dentro de um projeto orientado por Deus. Antes de começar, ele estava convicto de que sua empreitada vinha de Deus. Tinha tudo confirmado, então, não se deixou influenciar pela dúvida. Cuidado com o que você ouve… Quem fala algo contrário ao que Deus já confirmou no seu coração, não provêm de Deus, mas estão sendo usados pelo diabo!
Você não pediu direção a Deus? Não pediu um projeto a Deus? Ele te confirmou? Então, tudo que vier ao contrário é dúvida, é falta de fé, é pecado! Há fontes tentando destruir a nós, quer seja humana ou espiritual.

7) Ignore os inimigos – Não tente usar a força do seu braço, não faça justiça com as próprias mãos. Entregue nas mãos de Deus aqueles que se levantarem contra você. Deixa que Deus cuida de você e do teu projeto.

* Quando tudo estiver concluído, a vitória chega!

Agora é hora de vigiar para manter o sucesso. Aí está o maior perigo: O Orgulho! Não se deixe levar pelo orgulho e vaidade. Todos verão a glória de Deus na sua vida, mas não se vanglorie, entregue a sua vitória a Ele. Não se esqueça, nunca, de Quem te engrandeceu. Jamais pense que você é a “tal”, que você é a boa… Não!!!
Diga: EU VENCI PORQUE DEUS É COMIGO, TODA GLÓRIA É D’ELE!!! NÃO SE ESQUEÇA DE NENHUM DOS BENEFÍCIOS QUE DEUS TEM FEITO POR NÓS, SE NÃO FOSSE POR ELE, HÁ MUITO QUE JÁ TERÍAMOS PERECIDO!!!

“Então os nossos inimigos das nações vizinhas souberam disso e ficaram desmoralizados porque todos ficaram sabendo que o trabalho havia sido feito com a ajuda do nosso Deus.” (Neemias 6:16)

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Não seja “Piolho”

Não seja “piolho”, que anda pela cabeça dos outros, se alimentando dos restos dos outros!

Você não pode ser manipulada, aprenda a pensar e viver pela sua fé! (Habacuque 2:4) Toda informação que vier aos seus ouvidos, você tem que analisar, filtrar, se não bater com a sua fé, com o que você acredita, com o que a Palavra de Deus te promete, não siga, não dê ouvidos, mesmo que seja a maioria a te dizer. Aliás, Deus nunca deixou se influenciar pela maioria, nunca trabalhou com a maioria. Gideão chamou 32.000 pessoas para batalhar com ele, contra os inimigos de Israel, mas Deus só usou 300! Essa história de que a voz do povo é a voz de Deus é Mentira!!! A voz de Deus é a voz da fé que está dentro de nós. Muitas vozes juntas significa confusão, contrário de fé!

Eu já vi mulheres desgraçarem seus casamentos porque deram ouvidos a voz de “A”, “B” ou “C”. (Familiares, colegas de trabalho, profecias humanas(pessoas de dentro das igrejas), vizinhas…) Acreditaram mais no povo, nas vozes infundadas dos “amigos” (que diziam que o marido estava fazendo isso ou aquilo, mas que nunca provaram), sem provas, mas movidas pela emoção, desconfiança e sentimentalismo, não deram oportunidade ao marido de defesa, preferiram ouvir àqueles que se diziam “amigos”, do que naquele que dividia a mesma cama com ela a tantos anos! Então, o resultado não poderia ser outro: casamento destruído, agora choram sem o marido amado e envergonhadas por ao fim, descobrirem que seu companheiro era, na verdade, inocente. Hoje estão sozinhas, já nem tem a família e “amigos” ao seu lado, tudo porque ficaram ouvindo a voz de muita gente…

Quem não usa a fé, não usa a inteligência, não raciocina, fica igual “piolho,” andando pela cabeça dos outros, vivendo pelas opiniões alheias. O diabo também trabalha com a palavra. Assim como a fé vem de ouvir a Palavra de Deus, te fortalece e te levanta, a dúvida vem de ouvir a palavra do diabo que te enfraquece, fragiliza e derruba! Cabe a cada um de nós, não nos deixar influenciar pelas palavras de dúvida, de desânimo, que nos deixam para baixo.

Nós temos que ser fogo puro! Quem é fogo não duvida! Talvez você diga: “Mas, o mal vai se levantar contra mim…” E qual o problema? Se você tem o fogo de Deus na sua vida, Ele é contigo, Ele consome tudo que tentar te derrubar, Ele reduzirá a cinzas os teus problemas, Ele te encherá de forças para vencer qualquer situação adversa a tua fé! Deus está connosco 24h por dia, o mal até pode se levantar contra nós, mas se levanta para cair porque a vitória é nossa!!!Omelete

É claro que quem cresce incomoda aos outros ao seu redor, o mundo não apoia os vencedores, mas tenta derruba-los. A vida é uma competição constante, para eu ser vencedora é porque alguém teve que perder e o perdedor sempre vai tentar atacar, tentar puxar o tapete, só que Deus me mantém de pé, ainda que momentaneamente pensem que eu perdi, na verdade, no final, terão que ver a Glória de Deus em mim!!! Quando estou fraca aí é que estou forte! Quanto mais atacam, mais eu fico em comunhão com meu Pai, e o que você acha que vai acontecer? Claro! Serei cada vez mais forte, muito mais eu crescerei! O verdadeiro cristão é como o Omelete, quando mais bater, melhor e maior fica!

Pense nisso…

*Jana Gomes

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Está difícil? Agradeça!

“Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco.”
Ou: “…e sejam agradecidos a Deus em todas as ocasiões. Isso é o que Deus quer de vocês por estarem unidos com Cristo Jesus.” (NTLH) – I Tessalonicenses 5:18

É fácil agradecer pelos momentos bons, mas nos momentos maus temos também que agradecer, porque aquele momento, como a própria palavra já diz: é um *momento! Ora, vai passar e alguma coisa nós aprenderemos e seremos abençoados.
Se não somos capazes de agradecer nos momentos maus, não aprenderemos, não evoluiremos, não seremos abençoados!!

Quando a pessoa esta na carne, ou seja, vive segundo as suas próprias vontades, não consegue ver “todas” as situações com os olhos de Deus, os olhos da fé. Não consegue enxergar que Deus tem um plano naquela situação e é para o nosso crescimento, se usarmos este *momento como alicerce deste processo.

“… porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé..” (I João 5:4)

Vencemos o mundo, vencemos qualquer situação, porque não vivemos pelo que sentimos ou pelo que vemos, mas vivemos pelo que cremos. Nos momentos difíceis a pessoa raciocina e diz:  “A minha vida esta nas mãos de Deus, é Ele quem me controla, por isso, não vou temer. Esta situação, embora “pareça” difícil e árdua, é apenas um *momento e vai passar e porque eu vou crescer com isso!

Eu sei bem que não é fácil, mas Deus nunca disse que seria fácil, Ele disse sim, aliás, 366 vezes, que estaria connosco!! Se Deus esta comigo, nada pode ser contra mim, nada pode me abalar ou derrotar!!!
Dar graças ou agradecer, não significa que estou aceitando a situação, mas não me abato, não me entrego aquela situação, transformo este limão numa limonada. Como? Compare os exemplos abaixo:

- Uma senhora, que era membro da igreja, orava continuamente pedindo a Deus uma solução para o seu casamento, pois o relacionamento com o marido há muito que não estava bem. Saiu de uma reunião abençoada e na volta para casa, viu o marido com uma amante e desejou se matar, não conseguiu enxergar o livramento que Deus estava a dar a ela. Não  conseguiu ver que a verdade foi revelada, pois seu casamento era uma farsa!

- Os vendedores de sapatos: o 1º foi mandado a uma cidadezinha do interior para vender calçados e ficou frustrado ao ver que o povo da cidade tinha hábito de andar descalço e desistiu porque julgou muito difícil convencer àquelas pessoas que andar calçado era melhor… Um 2º vendedor foi enviado a mesma cidade logo a seguir e viu uma grande oportunidade de calçar toda uma cidade! Era a oportunidade dele e do fabricante prosperarem.

Viu só… Tudo depende de como nós vemos as situações, e isso depende de quem confiamos e não das circunstâncias. Não vivemos pelo que os outros falam ou pensam de nós, mas pelo que Deus prometeu para nós!
Sua situação está difícil? Calma, é só um *MOMENTO ruim, confie, agradeça a Deus por este momento e peça para Ele te mostrar o que Ele quer te ensinar com tudo isto. Você vai ver que quando esta nuvem negra passar, você cresceu, se fortaleceu e venceu!

* Jana Gomes

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Resposta aos Casais


“Acho que casei com a pessoa errada…”

Muitas vezes, nos atendimentos, ouvimos esta frase, entretanto, ela já começa errado; achar… Casamento não é questão de “achar” a pessoa certa, mas SER esta pessoa!

Sabe porque muita gente depois que se casa começa a pensar que casou com a pessoa errada? Por causa das fantasias que o mundo apresenta! Só que casamento é realidade, envolve 2 vidas e não pode ser baseado em ilusões!!!

O ser humano tem tendência de fantasiar a pessoa amada ao ponto de criar na mente um ser que não existe, que a outra pessoa não é, daí, com a convivência… Boom!!! Descobre que a outra pessoa não era nada daquilo que ela fantasiou. A fantasia é o “x” da questão, ela faz a pessoa ignorar os erros e defeitos naturais do seu companheiro (a). A fantasia cega! A fantasia não é fé, é ilusão!

Quando Deus disse: “Por isso, deixa o homem pai e mãe e se une à sua mulher, tornando-se os dois uma só carne.” (Gênesis 2:24) Ele estava a se referir ao SER CONJUGAL que precisa ser gerado no casamento.

Esse SER nasce quando eu decido ceder pelo bem da relação, quando eu passo a SER a pessoa certa para o meu marido.
É muito fácil jogar a culpa dos problemas no parceiro, mas será que você é realmente a pessoa certa para ele? Tente inverter as posições, talvez você descubra que ainda não cedeu o suficiente. Entender a posição de cada um na aliança é fundamental para que ambos possam se olhar da forma correta.

E agora você me faz outra pergunta: Por que sou sempre eu que tenho que ceder? Ora, porque é com você que Deus está falando agora, é você que está lendo esta publicação, questionando a relação e buscando ajuda. A ajuda está dentro de si mesma.

Seja humilde e triunfe no seu casamento, não desista da sua felicidade conjugal!

*por Jana Gomes

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Meus olhos, minha vida

Aqui em casa, o interruptor da luz fica oposto a cama, então você já pode imaginar a guerra que é levantar de madrugada, no escuro, e tentar chegar até o banheiro… Sinceramente, muitas vezes e vou mesmo no escuro e desisto de ligar a luz, e isso sempre me causa algumas manchas roxas nas pernas, que só dou conta no dia seguinte.

Assim também é na nossa vida, da mesma maneira que eu preciso de luz para enxergar meu caminho no escuro, precisamos da Luz Divina para enxergar o mundo espiritual e poder, não só entender, mas principalmente resolver aquilo que não está bom e encontrar a tão desejada paz.

“São os teus olhos a lâmpada do teu corpo; se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso; mas, se forem maus, o teu corpo ficará em trevas.” (Lucas 11:34)
Se os meus olhos são lâmpada para o meu corpo, então, o segredo de tudo está em como eu vejo as coisas, como eu encaro os problemas. Eu preciso estar atenta à maneira como enxergo as situações que me acontecem. Porque se eu interpretar as coisas negativamente, sou eu quem vai sofrer, sou eu quem vai ficar triste, amargurada, com ódio, sozinha, enfim, a pessoa que me entristeceu vai continuar vivendo sua vida “na boa” e eu é que estarei perdendo tempo e colocando a minha salvação em risco, a troco de nada!

Agora, se eu lutar para ver o lado bom da situação, eu vou enxergar o caminho e ficarei bem. Por mais que aos olhos humanos não tenha lado bom no que está acontecendo, eu preciso manter a fé e a confiança de que tudo vai clarear, a minha luz vai brilhar e de uma forma ou de outra, aquela situação vai se resolver. Ou seja, nós somos superiores a qualquer problema, se formos positivos e olharmos para o lado bom.

Já que não podemos evitar dos problemas acontecerem, pelo menos podemos evitar deles se avolumarem ou solucionarmos eles!

Nós temos o poder de decidir como vamos reagir diante das situações difíceis, se vamos olhar para o lado bom e tirar alguma experiência e até crescer com o problema ou se vamos ficar curtindo o problema, chorando pelo leite derramado e definhar na cegueira, roxeando toda a nossa vida, nos enchendo de trevas…

Não é fácil encontrar o interruptor da nossa vida, mas “Ele” está lá, aperte o interruptor da sua vida, mudando o foco da situação. Para isso, basta que nos esforcemos para seguir o caminho certo, então a Luz de Deus vai brilhar através de nós extinguindo toda escuridão, resultado: Realização, felicidade, paz e salvação.

*por Jana Gomes

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Ser Perseverante

“Com efeito, tendes necessidade de perseverança, para que, havendo feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa.” (Hb 10:36)

A promessa já se cumpriu na sua vida? Você se sente realizado em todos os sentidos? Tem lutado para alcançar a realização dos seus sonhos ou está acomodado no que já conquistou??

É preciso ser perseverante para fazer a vontade de Deus e alcançar o que Ele prometeu para cada um de nós. Só que muita gente faz confusão com o sentido real desta palavra. Ser perseverante não quer dizer que eu tenha que ser escravo de tal função ou sistema. As pessoas acham que se você se diz perseverante e de repente, muda de emprego ou o rumo de sua vida, é porque, na verdade, não perseverou…

Não é nada disso! Perseverar é perseguir um ideal, um objetivo, confiante de que está se fazendo a vontade de Deus e consequentemente, iremos alcançar o que Ele nos prometeu.


Como na imagem do site, nós somos o próprio modelo de perseverança, ao nascimento tivemos que lutar contra muitos e ser o único vencedor. Conosco haviam outros tantos milhões, mas só nós persistimos até o fim e alcançamos o alvo!

Uma pessoa tem uma profissão e sabe que pode ser bem remunerada e valorizada neste ramo, porém, no seu emprego atual, isso não tem acontecido, pelo contrário, seu patrão não o motiva, não há esperança de progressão de carreira, entretanto, ali, este funcionário está exercendo a função que tanto ama, mas não vê oportunidade de desenvolver. O que ele deve fazer, continuar nesse emprego só para que as outras pessoas vejam que é perseverante?? Claro que não!

Assim também na vida sentimental e em qualquer outra área. Conheci duas senhoras, em Portugal, com o mesmo problema: sofrendo no casamento com um marido perturbado e que não queria nada com Deus e a fé. Uma decidiu deixá-lo e lutou para reconstruir sua vida, divorciou-se e voltou a casar com um homem que teme a Deus, a valoriza e a faz feliz. Por outro lado, a outra, lutou até que seu esposo se entregou a Deus completamente, hoje também a faz feliz plenamente. Eu te pergunto: Qual delas tomou a atitude correta?

Óbvio que as duas estão certas, porque ambas lutaram pelo seu ideal; a felicidade conjugal. Uma teve fé de ser feliz ao lado do esposo, a outra, teve fé para reconstruir sua vida. Elas não pensaram na opinião dos outros, agiram a fé na promessa de Deus e alcançaram a resposta.

A inteligência nos leva a raciocinar e crer numa oportunidade de desenvolvimento. Se eu posso fazer aquilo que eu amo e ainda expandir meus horizontes, não há razão para me manter amarrado a um sistema, preocupada apenas na opinião alheia.

Deus não nos quer amarrados, quer que venhamos desenvolver para glorificar seu nome. Temos que traçar metas, buscar nossos ideais, perseguir o nosso alvo e crescer.

Se eu ainda não me sinto realizada, necessito perseverar, até que veja a promessa se cumprir na minha vida. Deus incentiva a pessoa a lutar pela vida, onde tenha condições de se realizar, ser valorizado e sempre desenvolver. Isso é perseverança. Não há mais tempo para ficar amarrado a opinião dos outros.

Quando nos limitamos a um sistema, na verdade, estamos acomodados, sem fé, já não há mais esperança e confiança de que a promessa de Deus vai se cumprir!

Trocando em miúdos… O perseverante é definido, corajoso, sabe o que quer, não fica pulando de galho em galho, mas luta para conquistar sua realização pessoal e profissional, só assim tem a promessa alcançada.

*Por Jana Gomes

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

As 3 Peneiras de Sócrates…

Recebi e quero compartilhar, porque o ideal é que sejamos sempre o ponto final de qualquer comentário infeliz…
Um homem foi ao encontro de Sócrates levando ao filósofo uma informação que julgava de seu interesse:
- Quero contar-te uma coisa a respeito de um amigo teu!
- Espera um momento – disse Sócrates – Antes de contar-me, quero saber se fizeste passar essa informação pelas três peneiras.
- Três peneiras? Que queres dizer?
- Vamos peneirar aquilo que quer me dizer. Devemos sempre usar as três peneiras. Se não as conheces, presta bem atenção. A primeira é a peneira da VERDADE. Tens certeza de que isso que queres dizer-me é verdade?
- Bem, foi o que ouvi outros contarem. Não sei exatamente se é verdade.
- A segunda peneira é a da BONDADE. Com certeza, deves ter passado a informação pela peneira da bondade. Ou não?
Envergonhado, o homem respondeu:
- Devo confessar que não.
- A terceira peneira é a da UTILIDADE. Pensaste bem se é útil o que vieste falar a respeito do meu amigo?
- Útil? Na verdade, não.
Então, disse-lhe o sábio, se o que queres contar-me não é verdadeiro, nem bom, nem útil, então é melhor que o guardes apenas para ti.
Moral da História: Da próxima vez que surgir um boato por aí, submeta-o ao crivo destas 3 peneiras: Verdade, Bondade e Utilidade, antes de obedecer ao impulso e passa-lo adiante!
E ainda, quando a sua língua coçar, ou a sua consciência pesar, pense bem se realmente você viu e pode provar o que quer falar, se é bom o que quer falar ou vai fazer, e se é útil, ou seja, vai mesmo ajudar em alguma coisa ou será só mais uma fofoca espalhada por aí?! Guarde a sua boquinha porque com 01 dedo se aponta, mas 03 apontam de volta para você, cuidado!!
“O que guarda a boca e a língua guarda a sua alma das angústias.” (Provérbios 21:23)
Pense nisso…

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

A Pena e o Camelo

Às vezes nos irritamos com reações exageradas de nosso próximo. Fazemos um pequeno comentário, uma brincadeira - e eis que a pessoa chora, ou se revolta.

Uma lenda do deserto conta a história de um homem que ia mudar-se de oásis, e começou a carregar seu camelo. 

Colocou os tapetes, os utensílios de cozinha, os baús de roupas - e o camelo aguentava tudo. Quando ia saindo lembrou-se de uma linda pena azul que seu pai lhe tinha presenteado.

Resolveu pegá-la, e a colocou em cima do camelo. Neste momento, o animal arriou com o peso, e morreu.

Meu camelo não aguentou o peso de uma pena, deve ter pensado o homem. Às vezes pensamos o mesmo do nosso próximo - sem entender que nossa brincadeira pode ter sido a gota que transbordou a taça do sofrimento. Antes de tudo primeiro coloque-se no lugar no outro antes de falar ou fazer qualquer coisa. Pense nisso !

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Não deixe o nosso amor acabar

Amor, nós nascemos um para o outro.

Não deixe o nosso amor acabar,

Ou cair no esquecimento,

Devido as nossas brigas dentro do lar.

Como estamos vivendo,

Não dá para suportar a dor,

Que aperta o coração,

Por não conseguir tirar você dos pensamentos.

Desistir de você agora,

É o que não desejo fazer.

Eu te amo... Eu te amo,

E perder você para sempre,

Eu iria muito sofrer.

Eu vou lutar por você,

Até que minhas forças resistam

Ou até que a esperança acabe.

Eu vou insistir, e persistir em te reconquistar

Porque sei que tudo fica mais difícil, 

Quando temos que reparar

Os erros por nos esquecer de amar,

Quem tanto nos amou...

Não deixe a ira e as mágoas interferir na nossa vida.

É hora de parar... pensar... refletir,

Esquecer os erros do passado, 

e lembrar, das lágrimas que nos fez derramar

Por falta de diálogo e compreensão,

Nas horas de tribulação. 

O destino que cruzou nossos caminhos um dia.

É o mesmo que hoje 

Está nos deixando separados.

Da forma que me olha e me trata,

Não há sentimento que resista ao tempo, 

E nem amor verdadeiro, 

Se deixar se levar pela dor e o sofrimento

De não ter sido feliz por falta do meu amor. 

Não quero perder você, foi Deus quem te colocou na minha vida

Amor meu, Amor da minha Vida.

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Tenhamos vida

Vida é Fé!

Fé que não se prova com belos rituais, que não precisa de compensações, mas que simplesmente nos liga ao Alto e nos faz sentir que não estamos nessa existência à mercê dos caprichos divinos, viemos para evoluir, para crescer e viemos com talentos para nos ajudar a enfrentar a correnteza, diversas vezes tão forte que surge em nossa vida.
E que nessa travessia nunca estamos sozinhos… os remos estão em nossas mãos, mas à frente sempre haverá uma Luz a guiar o nosso barco…
O caminho a escolher é nosso…

Vida é Trabalho!

O que estamos aqui a fazer?
Trabalhamos pelo merecido conforto, por estudo, alegrias, conquistas, lazer… tudo justo e que faz parte da nossa existência, porém, nossa vida se resume apenas a isso?
E o que fazemos em prol da seara do Pai? O que cultivamos ao nosso redor? Existem as sementes dos ensinamentos do Evangelho?
Vida também é estender a mão ao companheiro caído e juntos prosseguirmos na estrada da salvação.

Vida é Renovação…

Há quanto tempo não modificamos algo na nossa vida? Não abandonamos atitudes nocivas? Não ousamos?
A renovação só pode nascer, se o terreno for preparado… e o nosso está?
Rogativas pela renovação são bem vindas, mas se forem apenas rogativas, sem o esforço, sem a determinação, também se perderão e continuaremos no vazio que nos corrói ou nas dores que tanto nos fragilizam.

Vida é Saúde!

Preservamos o nosso corpo? A morada do nosso Espírito enquanto estamos nessa jornada?
Descanso necessário, alimentação saudável… atividades reconfortantes… diminuição da pressa no dia a dia…buscamos por isso?
Protegemos a mente dos pensamentos tão conturbados que tantos danos nos causam?
Buscamos por leituras edificantes… visitamos locais harmoniosos e que nos trazem equilíbrio…convidamos o otimismo a nos acompanhar, mesmo nos instantes onde a escuridão predominar…ou fica para depois, sempre depois…
Alimentamos a nossa alma com bons sentimentos?
Amor, amizade, fraternidade, união, coragem e muitos outros sentimentos nobres fazem parte do nosso cardápio? Ou ainda acreditamos não ser o momento, não nos sentimos capazes e permanecemos presos na armadura do sofrimento que nos flagela a alma?
Saúde se constrói cuidando do corpo, da mente, só assim, o Espírito pode evoluir…

Vida é Paz…

Como viver em paz se os atritos nos perseguem? Se produzimos terríveis guerras internas, se nos encontramos constantemente abalados pelos pelas provações necessárias ao nosso progresso e não somos capazes de perdoar…
Como manter a paz acesa em nosso íntimo e a iluminar nosso caminho se esquecemos de compreender a essência dos dizeres do Mestre: Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou e assim também praticar a sua paz…

Vida é Confiança!

Confiar de que seguimos sempre adiante, o passado não volta, o presente está em nossas mãos e o futuro depende do agora.
Confiar de que podemos fazer o melhor que pudermos.
E não faremos sozinhos…
Vida é confiança na Providência Divina.
E confiança em nós mesmos, Espíritos imortais que podem superar as provas e chegar a perfeição, esse é o nosso destino.
Seguir é a nossa escolha…
E não seguimos sozinhos!

Vida é Acreditar!

É saber que aqui estamos por um propósito, é saber que aqui podemos abandonar o tempo de trevas e seguir adiante.
Que aqui viemos porque muito podemos realizar, depende de nós
Diante da dúvida, optamos pela fé.
Diante do medo, adotemos a confiança.
Diante da queda, escolhamos o recomeço.
Diante do erro, façamos a renovação.
Diante da dor, usemos a perseverança
E diante da morte, descubramos a Vida

Vida é Vida!

Façamos da nossa existência Vida.
A verdadeira Vida!
E a verdadeira vida é o caminho deixado há milênios pelo Mestre Jesus.
Caminho que está a nossa frente e ainda nos espera.
Caminho que nos leva ao alívio de nossas dores.
Ao refazimento de nosso corpo físico e espiritual.
Ao conhecimento de novos valores.
A elevação de sentimentos
Caminho que nos leva a verdadeira Vida.
Leva-nos ao encontro do Mestre Jesus.
Que de braços abertos, amorosamente nos repete:
Eu Sou o Caminho, a Verdade e a Vida

Vida…
Tenhamos Vida!

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Mensagem de conforto


Se a tristeza tomou conta de você no dia de hoje, silencie. 
Se pessoas falaram de ti e se te julgaram, silencie. 
Se a mágoa te faz chorar, silencie. 
Saiba que Deus tudo vê, nada escapa de seus olhos. 
Pois Ele conhece o coração dos maus e bons. Nada foge de seus olhos. 
Não queira revidar e nem discutir. Eu sei que dói, ainda mais quando são pessoas próximas de ti. Não julgue e que atire a primeira pedra quem nunca errou. 
Às vezes também falamos dos outros e também julgamos. Deus é misericordioso e nos perdoa. Então é hora de liberar o perdão. Logo o esquecimento chegará. Não pense que escrevo somente para você. 
Eu também preciso destas palavras para me confortar. Todos nós estamos sujeitos a julgamentos, pois também julgamos. Eu sei como dói, mas tudo tem o seu tempo. 
O meu eu sei que é calar e perdoar. O tempo se encarrega de colocar tudo no lugar.
Às vezes nem é preciso uma fofoca. 
A gente sente no ar e no jeito que nos olham. 
E como sempre digo nada está oculto que não seja revelado. Na hora certa as coisas se esclarecem. Também sinto vontade de chorar e me isolar. 
Mas há um Deus que combate por nós. Ele é justo e tudo sabe de nós. Ele conhece nosso coração e somente Ele pode julgar. 
No mais perdoo aqueles que me feriram. Não é fácil, mas aprendi que primeiro vem à ação depois a reação. Primeiro o querer e depois Deus nos dá a graça do esquecimento. Tente, você vai se surpreender. Um abraço fraterno e fique em paz.
Eu por aqui vou pedindo a Deus que abençoe aqueles que me magoaram. Logo essa dor vai passar e vou sorrir novamente.

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Passageiros

Se pudéssemos ter consciência do quanto nossa vida é passageira, talvez pensássemos duas vezes antes de jogar fora as oportunidades que temos de ser e de fazer os outros felizes. 

Muitas flores são colhidas cedo demais. Algumas, mesmo ainda em botão. Há sementes que nunca brotam e há aquelas flores que vivem a vida inteira até que, pétala por pétala, tranquilas, vividas, se entregam ao vento. 

Mas a gente não sabe adivinhar. A gente não sabe por quanto tempo estará enfeitando esse Éden e tampouco aquelas flores que foram plantadas ao nosso redor. E descuidamos. Cuidamos pouco. De nós, dos outros. Nos entristecemos por coisas pequenas e perdemos minutos e horas preciosos. Perdemos dias, às vezes anos. Nos calamos quando deveríamos falar. falamos demais quando deveríamos ficar em silêncio.

Não damos o abraço que tanto nossa alma pede porque algo em nós impede essa aproximação. Não damos um beijo carinhoso "porque não estamos acostumados com isso" e não dizemos que gostamos porque achamos que o outro sabe automaticamente o que sentimos.

E passa a noite e chega o dia, o sol nasce e adormece e continuamos os mesmos, fechados em nós. Reclamamos do que não temos, ou achamos que não temos suficiente. Cobramos. Dos outros. Da vida. De nós mesmos. Nos consumimos. Costumamos comparar nossas vidas com as daqueles que possuem mais que a gente. E se experimentássemos comparar com aqueles que possuem menos? 

Isso faria uma grande diferença. E o tempo passa... Passamos pela vida, não vivemos. Sobrevivemos, porque não sabemos fazer outra coisa. Até que, inesperadamente, acordamos e olhamos pra trás. E então nos perguntamos: E agora? Agora, hoje, ainda é tempo de reconstruir alguma coisa, de dar o abraço amigo, de dizer uma palavra carinhosa, de agradecer pelo que temos. 

Nunca se é velho demais ou jovem demais para amar, dizer uma palavra gentil ou fazer um gesto carinhoso. Não olhe para trás. O que passou, passou. O que perdemos, perdemos. Olhe para frente! Ainda é tempo de apreciar as flores que estão inteiras ao nosso redor. 

Ainda é tempo de voltar-se para Deus e agradecer pela vida, que mesmo passageira, ainda está em nós. Pense!... Não o perca mais!...

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Ouça


Quando peço para você me ouvir e você começa a me dar conselhos, não está fazendo o que eu pedi. Quando peço para você me ouvir e você começa a me dizer por que eu não deveria me sentir assim, está ferindo meus sentimentos.

Quando peço para você me ouvir e você acha que precisa fazer alguma coisa para resolver o meu problema, você não me ajudou, por mais estranho que pareça.

Não fale nem faça – apenas ouça.

Conselhos são baratos. Com pouco dinheiro, você compra uma revista, um jornal ou um livro cheios de conselhos. E isso eu posso fazer por conta própria. Não sou incapaz.

Talvez me desanime e hesite com frequência, mas não sou incapaz. Quando você faz por mim alguma coisa que eu posso e preciso fazer por conta própria, você contribui para o meu medo e a minha insegurança.

Mas, quando você aceita como um fato natural que eu sinta o que sinto, por mais irracional que seja, aí eu não preciso me preocupar em convencer você e posso entender o que está por trás desse sentimento irracional.

E, quando isso estiver claro, as respostas serão óbvias e não precisarei de conselhos. Sentimentos irracionais fazem sentido quando entendemos o que está por trás deles.

Talvez seja por isso que rezar funciona às vezes para algumas pessoas – porque Deus é mudo e não dá conselhos, nem tenta consertar as coisas. Deus apenas ouve e deixa você descobrir as coisas por conta própria.

Então, por favor, apenas ouça, apenas ouça.

E se quiser falar, espere um pouco a sua vez 
– e eu ouvirei você.

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Meu amor, Eu te amo


Não importa quantas vezes eu tente negar, diminuir, ou fingir que não amo mais você.

Não acredite em mim meu amor, eu minto.

Na verdade eu não queria ser assim, tão dependente de você, não queria passar essa insegurança, não queria mostrar tanta fraqueza longe de ti.

É como se algo me fosse arrancado, é como se alguém tentasse me enforcar a cada dois segundos.

Eu já cheguei a pensar várias e várias vezes sobre nós, já pensei que seria melhor cada um seguir o seu caminho, mas cada vez que eu penso nessas coisas me dói.

É uma dor incontrolável, passa um filme na minha cabeça de tudo que nós já vivemos.

Eu lembro das gargalhadas, dos carinhos, dos beijos, de todos aqueles momentos inacreditavelmente perfeitos.

Ah meu amor, eu amo tanto você.

Me desculpa por todas as vezes que eu tento forjar os fatos, me desculpa pelo meu orgulho, pelo meu medo absurdo de te perder que muitas vezes só me afasta de ti.

Me desculpa, me desculpa, me desculpa.

Eu não consigo me ver sem você, não consigo me imaginar com outro alguém.

Não consigo nem pensar em você como amigo.

Você é como se fosse o meu abrigo, onde eu sei que eu posso ser eu mesma, sem inibições, sem atuações, você me ama do jeito que eu sou, e boa parte dos meus defeitos você até acha engraçado.

Quem mais poderia ser tão bom quanto você?

Eu não quero arriscar.

É só você que existe pra mim, é só por você que meu coração bate mais forte, que minha respiração fica inconstante, que as minhas pernas tremem, é só você que causa tudo isso em mim, mesmo depois de tanto tempo.

Eu quero ficar contigo para sempre.

Mesmo que o sempre, um dia acabe.

Vai ser perfeito, infinito, e mágico enquanto durar.

Ah, e mais uma coisa: Eu prometo que vou parar de tentar explicar o que sinto por você em meras palavras, elas realmente não são mais suficientes.

Eu amo você.

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Ouça o seu coração

...Ouça com muita atenção, com muita consciência e você nunca errará. E, ouvindo o seu coração, você começará a seguir na direção certa, sem mesmo pensar no que é certo ou errado. E segui-lo, onde quer que ele o leve. Sim, algumas vezes ele o deixará frente a frente com alguns perigos mas, lembre-se, esses perigos são necessários para que você amadureça.

Outras vezes, ele o fará se extraviar mas, lembre-se mais uma vez, errar o caminho faz parte do crescimento.Muitas vezes você cairá torne a levantar-se, porque é assim que se reúnem forças, caindo e levantando-se novamente.

É assim que se fica integrado... Mas não siga regras impostas pelo mundo exterior. Nunca imite, seja sempre original. Não vire uma cópia em papel carbono. Mas é isso o que está acontecendo no mundo todo cópias e cópias em papel carbono. Cristo é Cristo, Buda é Buda, Krishna é Krishna, e você é você.

E você não é, de maneira nenhuma, menos do que ninguém. Respeite-se, respeite sua voz interior e siga-a. E lembre-se, não estou garantindo a você que essa voz sempre o levará ao lugar certo. Muitas vezes ela o levará ao lugar errado, pois para encontrar a porta certa, é preciso bater primeiro em muitas portas erradas.

É assim que as coisas são. Se você topar de repente com a porta certa, não será capaz de reconhecer se ela é a certa.Portanto, lembre-se de que, no final das contas, nenhum esforço é jamais desperdiçado. todos os esforços contribuem para o apogeu do seu crescimento. Portanto, não hesite, não fique tão preocupado quando cometer um erro. Isso é um problema: ensinam às pessoas a nunca fazer nada errado, e então elas hesitam. ficam tão receosas, tão apavoradas com a possibilidade de fazer alguma coisa errada, que ficam empacadas.

Não conseguem sair do lugar, alguma coisa pode dar errado. Então ficam como pedras, perdem todos os movimentos. Cometa tantos erros quanto possível, lembre-se apenas de não cometer o mesmo erro duas vezes. Ai você estará crescendo.

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

9 ingredientes para a felicidade

É possível viver de maneira mais alegre!
Veja como pequenas mudanças de hábito vão melhorar sua vida:

Amor
Você sabe o quanto é bom amar alguém. Construtivo, esse sentimento faz bem a todos os envolvidos.
Por isso, entregue-se a ele! Só não vale esquecer que apenas quem ama a si mesma consegue despertar
a mesma emoção em outra pessoa. Tudo começa com amor próprio. Alegre-se!
Pense duas vezes antes de julgar alguém ou a você mesma.
E, mais importante, acredite que você merece, sim, esse sentimento nobre.

Bom humor
Está certíssimo quem diz que rir é o melhor remédio!
Gargalhar, afinal, estimula a liberação de hormônios responsáveis pela sensação de bem-estar.
Também vale dizer que bom humor não significa falta de seriedade ? sorrir é, isso sim,
uma eficiente maneira de tranquilizar a mente, deixando-a livre para encontrar soluções.
Alegre-se! Não leve a vida tão a sério, passe mais tempo com pessoas queridas,
faça piada de si mesma e de situações desagradáveis.

Otimismo
Estimular um olhar positivo eleva a autoestima e a autoconfiança.
Claro: quem é otimista se sente capaz de resolver qualquer problema e,
portanto, conquista seus desejos mais facilmente.

O otimismo é fundamental para o desenvolvimento humano, pois melhora o
aprendizado de novas lições e a busca por saídas diferentes.
Alegre-se! Não importa quão difícil seja uma situação, tenha em mente que você pode vencê-la!
Lembrar-se de todas as suas realizações, por exemplo, ajuda a perceber como ultrapassar seus limites.

Espiritualidade
Quem duvida que a fé conduz à esperança?
Mais do que um comportamento passivo, a espiritualidade a torna confiante,
com força suficiente para realizar tudo o que quiser.
Alegre-se! É importante acreditar em algo superior seja em Deus, seja no poder do pensamento.
Se você já tem fé em algo, envolva-se ainda mais.
Participar de trabalhos sociais também é uma ótima maneira para se sentir plena e em contato com o mundo.

Saúde
O ditado é certeiro: mente sã, corpo são.
Os solitários ou magoados, afinal, comem mais, se movimentam menos e ficam sem disposição alguma para ser feliz.
Já quem cuida do corpo consegue facilmente salvar a mente.
Alegre-se! Além de praticar alguma atividade física, como caminhada num bosque ou numa praça,
e investir em uma dieta saudável, permita-se viver o maior número de coisas boas que a vida tem a oferecer.
Hábitos simples ? como apreciar a natureza e dar um abraço apertado quando
cumprimentar alguém querido ? já farão muita diferença.

Perspectiva
Pensar no futuro não significa vivê-lo antecipadamente.
O importante é escolher um caminho e traçar objetivos para chegar ao resultado.
Assim fica mais fácil atingir o alvo. Por consequência, a autoconfiança,
aquela sensação de ?eu sou capaz?, aumenta consideravelmente.
Alegre-se! Viva o presente, mas não deixe de organizar e criar oportunidades para o futuro.
O primeiro passo é identificar seu objetivo.
Depois, basta seguir em frente mesmo diante de quem a subestima.
Aposte todas as fichas em você.

Confiança
Todo mundo sonha em ter a sensação de que tudo está e estará sempre bem.
Claro que essa segurança absoluta não pode existir todas as horas,
mas é preciso acreditar na sua capacidade de se relacionar e de se adequar a novas situações.
Alegre-se! Para não brecar o avanço do seu destino, tire o pé do freio e arrisque-se.
Tenha confiança em suas habilidades, cerque-se de pessoas que façam você se sentir bem
e frequente lugares capazes de transmitir mais tranquilidade.

Pró-atividade
Quem toma iniciativa chega na frente.
Ok, nem sempre é fácil caminhar por onde nunca estiveram, mas o esforço
tende a ser incrivelmente recompensador.
Alegre-se! Seja nas relações sociais ou profissionais, dê mais vazão aos pensamentos.
Coloque em prática ou pelo menos tente as soluções que passaram por sua cabeça.
Em resumo, não boicote a sua criatividade!

Coragem
Esse sentimento nos impulsiona a fazer o que queremos,
a parar de duvidar da nossa própria capacidade,
a nos aventurar por estradas que podem levar a destinos melhores.
E não pense que a coragem não deve vir acompanhada do medo:
precisamos das duas emoções para ousar na medida perfeita.
Alegre-se! Geralmente, o medo mora onde existe oportunidades.
Quando bater aquele frio na barriga diante de uma situação, enfrente-a.
Mesmo que nem tudo saia como imaginou, você terá avançado.

sábado, 8 de agosto de 2015

Dia dos Pais

Ser Pai é ser tudo isso e muito mais.
Ame, respeite,honre, admire, cuide, valorize!
Faça o impossível por ele e seus filhos farão por você.
Parabéns a todos os PAIS pelo seu dia ! e a todas as ( Paes ).
Cesar e Família

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Pai

O carteiro estendeu o telegrama. Carlos Alberto não agradeceu e enquanto abria o envelope, uma profunda ruga sulcou-lhe a testa. Uma expressão mais de surpresa do que de dor tomou-lhe conta do rosto. Palavras breves e incisas:
- Seu pai faleceu. Enterro 18horas. Mamãe.

Carlos Alberto continuou parado, olhando para o vazio. Nenhuma lágrima lhe veio aos olhos, nenhum aperto no coração. Nada! 
Era como se houvesse morrido um estranho. Por que nada sentia pela morte do velho? 
Com um turbilhão de pensamentos confundido-o, avisou a esposa, tomou o ônibus e se foi, vencendo os silenciosos quilômetros de estrada enquanto a cabeça girava a mil.

No íntimo, não queria ir ao funeral e, se estava indo era apenas para que a mãe não ficasse mais amargurada. Ela sabia que pai e filho não se davam bem.

A coisa havia chegado ao final no dia em que, depois de mais uma chuva de acusações, Carlos Alberto havia feito as malas e partido prometendo nunca mais botar os pés naquela casa. 
Um emprego razoável, casamento, telefonemas à mãe pelo Natal, Ano Novo ou Páscoa... Ele havia se desligado da família não pensava no pai e a última coisa na vida que desejava na vida era ser parecido com ele.

O velório: poucas pessoas.

A mãe está lá, pálida, gelada, chorosa. Quando reviu o filho, as lágrimas correram silenciosas, foi um abraço de desesperado silêncio. Depois, ele viu o corpo sereno envolto por um lençol de rosas vermelho - como as que o pai gostava de cultivar.

Carlos Alberto não verteu uma única lágrima, o coração não pedia. Era como estar diante de um desconhecido um estranho, um... 
O funeral: o sabiá cantando, o sol se pondo.

Ele ficou em casa com a mãe até a noite, beijou-a e prometeu que voltaria trazendo netos e esposa para conhecê-la. Agora, ele poderia voltar à casa, porque aquele que não o amava, não estava mais lá para dar-lhe conselhos ácidos nem para criticá-lo

Na hora da despedida a mãe colocou-lhe algo pequeno e retangular na mão.
- Há mais tempo você poderia ter recebido isto - disse. - Mas, infelizmente só depois que ele se foi eu encontrei entre os guardados mais importantes...

Foi um gesto mecânico que, minutos depois de começar a viagem, meteu a não no bolso e sentiu o presente. O foco mortiço da luz do bagageiro revelou uma pequena caderneta de capa vermelha. Abriu-a curioso.

Páginas amareladas. Na primeira, no alto, reconheceu a caligrafia firme do pai:
"Nasceu hoje o Carlos Alberto. Quase quatro quilos! O meu primeiro filho, um garotão!. Estou orgulhoso de ser o pai daquele que será a minha continuação na Terra!".

À medida que folheava, devorando cada anotação, sentia um aperto na boca do estômago, mistura de dor e perplexidade, pois as imagens do passado ressurgiram firmes e atrevidas como se acabassem de acontecer! 
"Hoje, meu filho foi para escola. Está um homenzinho! Quando eu vi ele de uniforme, fiquei emocionado e desejei-lhe um futuro cheio de sabedoria. A vida dele será diferente da minha, que não pude estudar por ter sido obrigado a ajudar meu pai. Mas para meu filho desejo o melhor. Não permitirei que a vida o castigue".

Outra página,
"Carlos Alberto me pediu uma bicicleta, meu salário não dá, mas ele merece porque é estudioso e esforçado. Fiz um empréstimo que espero pagar com horas extras". 
Carlos Alberto mordeu os lábios. Lembrava-se da sua intolerância, das brigas feitas para ganhar a sonhada bicicleta. Se todos os amigos ricos tinham uma, por que ele também não poderia ter a sua?

E quando, no dia do aniversário, a havia recebido, tinha corrido aos braços da mãe sem sequer olhar para o pai. Ora, o "velho" vivia mal-humorado, queixando-se do cansaço, tinha os olhos sempre vermelhos... e Carlos Alberto detestava aqueles olhos injetados sem jamais haver suspeitado que eram de trabalhar até a meia-noite para pagar a bicicleta... !

"Hoje fui obrigado a levantar a mão contra meu filho! Preferia que ela tivesse sido cortada, mas fui preciso tentar chamá-lo á razão, Carlos Alberto anda em más companhias, tem vergonha da pobreza dos pais e, se não disciplinar amanhã será um marginal."
"É duro para um pai castigar um filho e bem sei que ele poderá me odiar por isso. entretanto, devo educá-lo para seu próprio bem."
"Foi assim que aprendi a ser um homem honrado e esse é o único modo que sei de ensiná-lo".

Carlos Alberto fechou os olhos e viu toda a cena quando por causa de uma bebedeira, tinha ido para a cadeia e naquela noite, se o pai não tivesse aparecido para impedi-lo de ir ao baile com os amigos...

Lembrava-se apenas do automóvel retorcido e manchado de sangue que tinha batido contra uma árvore... Parecia ouvir sinos, o choro da cidade inteira enquanto quatro caixões seguiam lugubremente para o cemitério. 
As páginas se sucediam com ora curtas, ora longas anotações, cheias das respostas que revelam o quanto, em silêncio e amargura, o pai o havia amado. O "velho" escrevia de madrugada.

Momento da solidão, num grito de silêncio, porque era desse jeito que ele era, ninguém o havia ensinado a chorar e a dividir suas dores, o mundo esperava que fosse durão para que não o julgassem nem fraco e nem covarde.

E, no entanto, agora Carlos Alberto estava tendo a prova que, debaixo daquela fachada de fortaleza havia um coração tão terno e cheio de amor.

A ultima pagina. Aquela do dia em que ele havia partido:
"Deus, o que fiz de errado para meu filho me odiar tanto? Por que sou considerado culpado, se nada fiz, senão tentar transformá-lo em um homem de bem?"
"Meu Deus, não permita que esta injustiça me atormente para sempre. Que um dia ele possa me compreender e perdoar por eu não ter sabido ser o pai que ele merecia ter."

Depois não havia mais anotações e as folhas em branco davam a idéia de que o pai tinha morrido naquele momento, Carlos Alberto fechou depressa a caderneta, o peito doía. O coração parecia haver crescido tanto, que lutava para escapar pela boca. Nem viu o ônibus entrar na rodoviária, levantou aflito e saiu quase correndo porque precisava de ar puro para respirara aurora rompia no céu e mais um dia começava.

"Honre seu pai para que os dias de sua velhice sejam tranquilos!" - certa vez ele tinha ouvido essa frase e jamais havia refletido o na profundidade que ela continha. 
Em sua egocêntrica cegueira de adolescente, jamais havia parado para pensar em verdades mais profundas.

Para ele, os pais eram descartáveis e sem valor como as embalagens que são atiradas ao lixo. Afinal, naqueles dias de pouca reflexão tudo era juventude, saúde, beleza, musica, cor, alegria, despreocupação e vaidade.

Não era ele um semideus? Agora, porém, o tempo o havia envelhecido, fatigado e também tornado pai aquele falso herói.

De repente. No jogo da vida, ele era o pai e seus atuais contestadores. Como não havia pensado nisso antes? Certamente por não ter tempo, pois andava muito ocupado com os negócios, a luta pela sobrevivência, a sede de passar fins de semana longe da cidade grande, a vontade de mergulhar no silêncio sem precisar dialogar com os filhos.

Ele jamais tivera a ideia de comprar uma cadernetinha de capa vermelha pala anotar uma à frase sobre seus herdeiros, jamais lhe havia passado pela cabeça escrever que tinha orgulho daqueles que continuam o seu nome. Justamente ele, que se considerava o mais completo pai da Terra?

Uma onda de vergonha quase o prostrou por terra numa derradeira lição de humildade. Quis gritar, erguer procurando agarrar o velho para sacudi-lo e abraçá-lo, encontrou apenas o vazio.

Havia uma raquítica rosa vermelha num galho no jardim de uma casa, o sol acabava de nascer. Então, Carlos Alberto acariciou as pétalas e lembrou-se da mãozona do pai podando, adubando e cuidando com amor. Por que nunca tinha percebido tudo aquilo antes?

Uma lágrima brotou como o orvalho, e erguendo os olhos para o céu dourado, de repente, sorriu e desabafou-se numa confissão aliviadora:
- Se Deus me mandasse escolher, eu juro que não queria ter tido outro pai que não fosse você velho! Obrigado por tanto amor, e me perdoe por haver sido tão cego.

Para quem já teve e para quem tem um pai...

Deus colocou você exatamente onde deve estar. Não se apresse, tudo ficará bem!

Nada em nossa vida foge do controle de Deus, é Ele quem define o melhor momento para realizar nossos sonhos. A nossa vida não segue um manua...