segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Vencer Ou Perder



Já fazia algum tempo, que eu não assistia a um jogo de futebol ao vivo.
Chegando ao estádio, a agitação da torcida, os gritos e aplausos transmitiam intensas emoções. Sentado na arquibancada, antes de iniciar o jogo, por alguns momentos imaginei a relação existente entre um time de futebol e o ambiente corporativo. 

A entrada dos atletas no campo

Muita comemoração na entrada dos jogadores ao campo, com faixas, papel picado, aplausos, buzina e festa. Pare durante alguns segundos para refletir, como seus funcionários são recebidos na segunda-feira. O que você está fazendo para inspirar e motivar um novo integrante da equipe? O que você faz para comemorar o aniversário de um funcionário? 
 
Com base na minha experiência na área comportamental, convido você a fazer um teste que consiste em preparar uma recepção para quem está voltando de férias.
Transforme o retorno ao trabalho em algo gratificante e estimulante. Vamos tentar? 
 
O momento do gol 
 
Realmente é algo indescritível sentir a torcida no estádio levantar eufórica ao comemorar um gol. O atleta pula e grita com a torcida, celebrando sua competência.
Um sinal de vitória que na vivência operacional, muitas vezes é esquecida.
Um vendedor conquista uma meta e o gerente diz: "Não fez mais que a obrigação". Mas qual era a obrigação da gerência? Quantas vezes você reuniu a equipe para comemorar uma vitória? Lembre que a ausência de reconhecimento pode ser capaz de gerar desmotivação e a falta de comprometimento. 
 
Ataque e defesa permanente 
 
Quando sua equipe conquista um triunfo, você também é uma pessoa vitoriosa.
O individualismo cede espaço ao trabalho coletivo.
De que adianta contar com uma equipe de vendas excelentes, se o setor de logística apresenta resultados insatisfatórios?
Em uma escola não adianta dispor de excelentes professores, se na secretaria o aluno recebe um péssimo atendimento.  O ataque é importante para marcar gol, mas deve existir uma defesa permanente para coibir a derrota. 

Nenhuma torcida vai ao estádio para assistir o time perder.
Próximo ou distante, há alguém torcendo para você conquistar o melhor posicionamento, receber o passe, dominar a bola e marcar o gol da vitória.
Transformar o suor em troféu não é uma tarefa fácil. 

Muitas pessoas pensam que é somente jogar e, esquecem a relevância do treinamento.
Ao término do jogo, os atletas precisam rever seus pontos negativos e aprimorar os pontos positivos. Isso somente é possível com treinamento, diálogo e troca de experiências.
Quando apresento palestra para empresários, gosto de enfatizar que "vencer não é sorte.
Vencer é se comprometer com o sucesso que você quer alcançar".
Qual é o resultado que você deseja para você e sua equipe?... 

* Por Dalmir Sant Anna

Talvez você esteja exigindo demais

Querer é um direito seu, ter é um privilégio. Até que ponto vale a pena fazer a vida parar só para que ela aconteça exatamente do jeito que ...