sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Seja você mesmo e não dê a mínima

A vida é curta e cruel se você vivê-la de forma passiva. É fácil se acomodar num trabalho qualquer que você odeia sonhando com a aposentadoria — que pode nunca chegar — na esperança de que a felicidade virá no futuro.

Claro que tudo na vida é relativo. O que serve pra mim, talvez não sirva pra você. E tá tudo bem. Não vou apontar uma arma na sua cabeça se não concordar comigo. Nem arrumar treta nos comentários. Somos seres singulares. Tá tudo certo.

Mas eu tenho uma sugestão. E eu tenho trabalhado nela diariamente pra que o meu papo não seja apenas teórico. Não desista dos seus sonhos ou ideias malucas de quando você era mais jovem. Tenha sede, tenha fome, seja um tolo. Não desista de si mesmo. Ninguém vai te pegar pela mão e te levar até a realização do teu sonho, parceiro. O negócio é tu contra tu. Be yourself and don't give a fuck.

Enquanto jovens, somos bastante idealistas com nossas ideias e modo de viver. Só que isso vai se perdendo com o tempo. E falo por mim, um jovem adulto. O Matheus de 27 anos perdeu muito do brilho do olhar daquele Matheus de 20 anos que estava na faculdade. Nessa idade nós temos grandes planos de mudarmos o mundo, ajudarmos o outro e melhorarmos a sociedade. No entanto, à medida que envelhecemos, cansamos. Cansamos de lutarmos sozinhos. Cansamos dos políticos. Cansamos da violência. Enchemos o saco. E, pra muitos, o objetivo acaba se tornando, simplesmente, sair do Brasil. Desistimos dessa porra.

Nós percebemos que precisamos pagar contas. Casamos, temos filhos. As contas aumentam. E nossa energia vai sendo sugada por coisas chatas, coisas burocráticas. O banco que te fode cobrando algo indevido e você tem que fazer os corres pra resolver. A porra da operadora de telefonia que some com os teus créditos. A política do escritório de ter que cumprir horário mesmo quando seu trabalho já está feito. E aí aquele brilho no olhar vai sumindo aos poucos. Até desaparecer.

Não perca teu entusiasmo, cara. Permaneça jovem, flexível e motivado. A idade é só um número estúpido. O que vale é o que tens na cabeça. E no olhar. O olhar conta muito. Aquele brilho, saca?

E te falo que hoje é o melhor momento pra você perseguir seu sonho. Temos smartphones, laptops, câmeras digitais, Wi-Fi, 4G, Facebook, WhatsApp, YouTube, Instagram, e-books, blogs e uma infinidade de outras ferramentas e aplicativos úteis e disponíveis nas palmas das nossas mãos. Nunca na história da humanidade tivemos tamanha oportunidade de criarmos e produzirmos coisas. Sejam essas coisas um negócio digital ou mesmo arte. Tá tudo aí. Basta botar a mão na massa. Para com essa mania de querer tudo mastigadinho, pô.

Quando eu era moleque e queria ter uma banda, não tinha YouTube pra assistir vídeo-aulas ou então GarageBand pra gravar minhas músicas. Se você morasse numa cidade grande, talvez encontrasse uma escola de música. Do contrário, ou tinha que ter o dom de aprender as músicas de ouvido, ou comprar uma daquelas revistinhas com acordes que quem viveu nos anos 90 tá ligado.

E o escritor que tinha que ir atrás de revistas, jornais ou editoras pra ter seus textos publicados? Hoje basta criar uma conta no WordPress.

Se seu sonho era ser fotógrafo, você tinha uma chance limitada de acertar. 24 cliques, 36 cliques, dependendo do filme e da grana que você tinha. E nem dava pra ver o resultado na hora, já que as câmeras não tinham visor integrado. Photoshop? Lightroom? Esquece.

Home office? Talvez se você tivesse um aparelho de fax em casa. E olhe lá, né? Porque até pra trabalhar com telemarketing era foda. Não sei se você tem conhecimento disso, mas uma linha telefônica custava uma fortuna antigamente.

O fato é que, em comparação com nossos pais e avôs, somos incrivelmente privilegiados. Se esses caras venceram e fizeram acontecer com os recursos limitados que tinham, temos que ser muito bundas-moles pra não entregarmos nada de volta pra sociedade.

A maioria de nós nunca passou fome, nosso problema é a obesidade. A maioria de nós nunca passou sede, nosso problema é qual cerveja escolher. A maioria de nós nunca passou frio, nosso problema é o tamanho do guarda-roupas. E, apesar do que a mídia diz, o mundo hoje é um lugar muito mais seguro do que décadas atrás. Você pode me dizer que a qualquer momento podemos levar uma bala perdida ou que o terrorismo tá foda, mas nada se compara às duas Grandes Guerras — e todas as outras menos famosas, mas de impacto devastador.

Portanto, temos todas nossas necessidades básicas — e outras supérfluas — saciadas. Temos abrigo, comida, água e roupas quentes. Temos café e Wi-Fi. O que está nos segurando?

Eu acho que é o medo.

Tememos perseguir nossos sonhos porque temos medo de falhar. É simples. Tememos perseguir nossos sonhos porque temos medo do que os outros vão pensar. É lógico. Tememos perseguir nossos sonhos por termos medo do sucesso. Afinal, quem ganha dinheiro por aqui e faz acontecer é visto com maus olhos. "Certeza que roubou". "Esse cara é uma farsa". "Teve sorte". O negócio é ser fodido e estar sempre na correria.

Muitos de nós também tem um problema com confiança. Ou melhor, com a falta dela. Não pensamos que somos talentosos ou inteligentes o suficiente pra realizar algo. Ficamos presos em nossas bolhas. Ficamos presos no sofá assistindo TV. Ficamos presos no feed de notícias do Facebook rindo de memes que esqueceremos logo em seguida. E o tempo vai passando. E ele é cruel.

Pois eu te digo pra ir pra ação.

Se você tem uma ideia de aplicativo, não se amarre ao pensamento limitador do "não sei fazer isso". A Codeacademy te ensina a programar. De graça. Qual a desculpa agora?

Se teu sonho é ser fotógrafo, começa pelo Instagram.

Se teu sonho é fazer vídeos, vai pro YouTube.

Se teu sonho é ser escritor, faz tua conta no WordPress e compartilha pensamentos aleatórios por lá. Eu comecei assim.

Sério. Para de desculpas. Vai lá e faz.

Só vai.

E faz.

*Matheus de Souza

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

O Último Mergulho

"Num instante você é rico, bonito, charmoso, bem-sucedido, admirado, protagonista de uma novela. Então, você dá um salto em um rio enquanto comemora a vida e não volta mais à superfície. Você vai embora dessa vida em uma viagem rumo ao desconhecido e não leva nada do que você tem ou de quem você é.

Certa vez Chico Anísio disse que não tinha medo de morrer, mas tinha dó. Essa ideia, para mim, é incrível! Afinal, ter medo de morrer é estranho, já que todos nós teremos que passar por essa experiência. O que temos não é realmente medo da morte, mas sim um dó de deixar tudo o que fizemos, as relações estabelecidas, o patrimônio conquistado, a identidade que arquitetamos e na qual acreditamos tão piamente.
.
A morte desse ator da Globo é uma grande oportunidade para que nós lembremos, vez após vez, que todos os dias nós podemos não voltar à superfície e continuar nossos projetos, nossas relações, nossas brigas infantis, nossas difamações ao trabalho alheio ou nossos comentários maldosos sobre as convicções políticas dessa ou daquela pessoa. Todos os dias nós podemos ser obrigados pelas circunstâncias a deixar tudo o que temos sem levar nenhuma trouxa de roupa, sem nenhum dinheiro, sem nenhum amigo a nos fazer companhia. Nós, que temos medo de ir sozinhos ao cinema numa quarta-feira, teremos que partir rumo ao fim de nós mesmos sem alguém que nos apoie. Nós morreremos sós. 
.
Esse é um bom momento para refletirmos sobre frases como "você sabe com quem está falando?", "você sabe quem é meu pai?", "você sabe quem é minha família?". A morte é muito democrática e mostra, mesmo que no último instante, que todos somos iguais e que todos temos o mesmo destino em comum. Nada do que temos, nada do que acreditamos que somos, nada do que experimentamos ou o status que possuímos. Nada disso pode comprar a nossa tentativa de não morrer. É por isso que todos nós devemos ter cuidado e humildade, mesmo que isso seja tão difícil. Afinal, nenhum de nós sabe se o próximo instante será o nosso último mergulho."

*Deyzivan Ferreira

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Amanhã pode ser tarde demais…

Ontem?…Isso faz tempo!…
Amanhã?…Não nos cabe saber…

Amanhã pode ser muito tarde
Para você dizer que ama,
Para você dizer que perdoa,
Para você dizer que desculpa,
Para você dizer que quer tentar de novo…

Amanhã pode ser muito tarde
Para você pedir perdão,
Para você dizer:
Desculpe-me, o erro foi meu!…

O seu amor, amanhã, pode já ser inútil;
O seu perdão, amanhã, pode já não ser preciso;
A sua volta, amanhã, pode já não ser esperada;
A sua carta, amanhã, pode já não ser lida;
O seu carinho, amanhã, pode já não ser mais necessário;
O seu abraço, amanhã, pode já não encontrar outros braços…
Porque amanhã pode ser muito…muito tarde!

Não deixe para amanhã para dizer:
Eu amo você!
Estou com saudades de você!
Perdoe-me!
Desculpe-me!
Esta flor é para você!
Você está tão bem!…

Não deixe para amanhã
O seu sorriso,
O seu abraço,
O seu carinho,
O seu trabalho,
O seu sonho,
A sua ajuda…

Não deixe para amanhã para perguntar:
Por que você está triste?
O que há com você?
Ei!…Venha cá, vamos conversar…
Cadê o seu sorriso?
Ainda tenho chance?…
Já percebeu que eu existo?
Por que não começamos de novo?
Estou com você. Sabe que pode contar comigo?
Cadê os seus sonhos? Onde está a sua garra?…

Lembre-se:
Amanhã pode ser tarde…muito tarde!

Procure. Vá atrás! Insista! Tente mais uma vez!
Só hoje é definitivo!
Amanhã pode ser tarde…muito tarde!..

Comece agora… HOJE… Neste instante… e não AMANHÃ…

Não se esqueça de lembrar de tudo que você vai fazer hoje, porque você jamais saberá se amanhã estará aqui… E como você consertará seus desacertos?

Esta mensagem trata justamente do que sempre achamos que não é necessário fazer agora. Deixamos, na maioria da vezes, para mais tarde. Sempre esquecemos que o que não nos pertence é justamente o “mais tarde”, o “amanhã”, “o minuto seguinte”.

Imaginamos que haverá um novo dia, um novo amanhecer para vivermos, e, todos as coisas que poderíamos ter feito ainda hoje, ficam para depois… Mas esse “depois” ou esse “amanha” pode nunca mais vir.

“Não presumas do dia de amanhã, porque não sabes o que ele trará“. (Provérbios 27:1).

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Você é um ser especial

As pessoas esperam que as coisas aconteçam na vida delas, como um acaso... como um descuido...
Mal elas sabem que tudo já é como uma poesia escrita, embora indefinida, para que nós autores, nos encarreguemos de dar ao poema, trilha sonora, uma frase... um sentimento que aconteça em outra hora... As pessoas esperam para que os sentimentos sejam concretizados, mas esquecem que para isso ou aquilo, o necessário é que de principio haja um elo muito forte, no laço da amizade...

Você... você já sentiu como se tivesse vivido algo a muito tempo, conhecidos pessoas e lugares diferentes?
Afinidades... gostos e sentimentos... embora não concretos, mas que deixam vagar em seus pensamentos?
Assim simples assim... é que as coisas acontecem... gostos, momentos vividos... o tal do alicerce...

Quando estamos caminhando, pensando estarmos certos de nossas vidas, tudo muda... alias nada muda, são exatamente do seu jeito... apenas somos os autores da poesia... de uma certa forma gostamos do que ouvimos, e vemos... do que sentimos... das afinidades...

Você... você é assim... quando falo com você tudo parece ser de uma forma fácil.

Acho que quando as pessoas olham para você, elas querem levar alegria, aonde só existe tristeza...
elas querem amor incondicional, para afetar a quem jamais conheceu o amor... elas querem ouvir o barulhos dos pássaros...

Porque nunca tiveram tempo para prestar atenção nessa melodia... e sabe porque elas querem isso...
Porque quando falam com você... elas podem ver a transparência de sua alma, a magia do seu coração, a pureza da sua intuição...

Você é um ser especial, e felizes são as pessoas que estão ao seu redor, porque sabem que o tempo é algo indispensável, quando conhecem você e sabe que a afinidade e o momento valem mias que anos, meses... tempo.

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Os momentos mágicos da vida

Se você ficar aí onde você está, parado, sem fazer nada, não vai conseguir realizar o seu objetivo. E ainda pior: vai deixar de viver toda uma vida que existe lá fora, esperando apenas que você abra a porta do seu coração e deixe este medo ou orgulho de lado. 

A vida é simples, alegre, fantástica, porém, muito curta. É por isso que temos que viver muito intensamente, para não nos arrependermos mais tarde daquilo que não fomos ou não fizemos.

A vida é constituída de momentos mágicos, e assim como a mágica, ela ocorre em um determinado momento, não para sempre. Muitas pessoas acham que podem deixar para serem felizes amanhã, que hoje é muito difícil. E sempre têm uma desculpa: ou são concursos, ou são provas, vestibulares, ou então é muito trabalho. 

Mas quando você decidir viver aquilo que tanto deseja, pode ser que seja tarde de mais. Dizem que nunca é tarde de mais quando se tem boas ações, mas existem momentos que simplesmente não voltam.

O que adianta você gostar de alguém e não dizer isso para essa pessoa? Ao invés de pensar que essa pessoa poderá vir-lhe atrapalhar, pense no grande apoio que ela pode lhe dar ou oferecer. Não devemos tirar conclusões precipitadas das coisas e muito menos querer adivinhar o que passa pela mente dos outros. 

Se você tem medo de uma reação negativa, fica a pergunta bem simples, o que é pior: a verdade que derrama uma lágrima, mas que faz você ir em busca de seus objetivos, ou a mentira, que simplesmente te para e que não deixa você ir atrás do que você sonha?

O que adianta você querer um trabalho com mais responsabilidade, sem fazer por merecer? Devemos acreditar que podemos conseguir, mas também agir para alcançar o nosso objetivo. Não adianta esperar uma força milagrosa, por que essa não vem sozinha. Ela vem de dentro de nós, de dentro da nossa mente, de dentro do nosso coração.

É preciso correr riscos na vida. E com isso, todos nós deparamos, sem exceção. Não adianta querer programar todo o nosso dia de tal maneira, porque sempre estará acontecendo algo de inesperado. Às vezes, o momento mágico está aí, mas só depende de você deixar que ele aconteça ou não. 

Felicidade é serenidade, e muitas vezes é a conquista dos nossos esforços. Você precisa ter um sonho, pois só assim é que a felicidade fará sentido. Você pode ter sofrimentos no meio do caminho – quem não tem? -, mas ao final, você se levanta, com muito mais força e coragem para viver e lutar por aquilo que almeja.

Quem tem medo de enfrentar essa realidade, sofre muito mais, mas quando criar essa coragem – por que todos nós em algum momento a criamos – sentirá que o tempo passou, e que talvez o que poderia ter sido feito no passado, hoje não adianta mais. 

O presente é vivido hoje e se sonhamos com o futuro, devemos começar a construí-lo agora, já, não no amanhã, pois senão, quando esse amanhã chegar, não terá nada reservado. Apenas um vazio, que muitas vezes é frio e silencioso.

Qual será o resultado ou a herança de tudo isso? Remorso, arrependimento, e a certeza de ter desperdiçado momentos mágicos que a vida deu. Os idosos não se arrependem daquilo que fizeram, mas daquilo que deixaram de fazer. 

Por isso, não espere acontecer para acreditar. Construa a base do seu futuro a partir de agora, e seja feliz para o resto da sua vida, sempre se orgulhando de ter feito tudo aquilo que você quis.

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

25 Lições de Vida Preciosas que não Aprendi na Escola

Espero que, de algum modo, sejam úteis para você.

1.
De uma hora para outra, tudo muda. E quando tudo muda, não tem como voltar atrás.
2.
Todo ser humano precisa aumentar sua familiaridade com os próprios sentimentos e aprender a falar sobre eles.
Em contrapartida, todo ser humano precisa aprender a ‘escutar’ os sentimentos das outras pessoas.
É assim que nos tornamos… humanos.
3.
Se pretendemos amadurecer, precisamos reconhecer quando temos reações infantis para poder examiná-las à luz do que já vivemos e aprendemos desde que deixamos de ser crianças.
4.
Com frequência, não são os outros que rejeitam você; é você que tem dificuldade de enxergar valor em si mesmo/a.
Aí acaba provocando rejeição.
5.
Se você sente vergonha de quem é, isso não quer dizer que você não é bom/boa o bastante; é provável que, em algum período importante do começo da sua vida, você não tenha recebido a atenção e o cuidado de que precisava.
Quando viramos adultos, no entanto, já era: a gente precisa aprender a lamber as próprias feridas.
6.
Diferentes tipos de terapias, psicanálise, psiquiatria e caminhos espirituais podem ajudar muito pessoas em sofrimento.
Com frequência, porém, as pessoas que mais precisam de ajuda são as que acham que não precisam.
7.
Há mudanças na vida que talvez levem muito, muito tempo e exijam muita perseverança para acontecer.
As coisas podem não mudar tanto quanto você gostaria, nem na velocidade que você gostaria.
Mas, quando se trata de quem você é e da sua contribuição para o mundo, mesmo pequenas mudanças podem fazer toda a diferença.
8.
A relação mais íntima e importante que você pode ter é com você mesmo/a. Nem com seus pais, irmãos e filhos, nem com seu parceiro/a ou melhor amigo/a. Com mais ninguém.
Paradoxalmente, uma relação de intimidade consigo mesmo/a aproximará você do mundo e das pessoas mais que qualquer outra coisa.
9.
Se o seu navio naufragou à noite em meio a uma tempestade e você está sozinho/a com frio no mar escuro, flutue. Aguarde.
Se está tudo ruim na vida, foque apenas em continuar respirando.
10.
Se você, ou qualquer outra pessoa, é arrogante e se acha superior aos outros, isso é um lance inconsciente compensatório, que encobre os sentimentos verdadeiros.
Se você ou outra pessoa se diminui diante dos outros e se considera inferior, isso também é uma forma de arrogância. Ou de desespero.
Em qualquer caso, o melhor é uma atitude de genuína compaixão com quem precisa lidar com sentimentos amargos de insegurança e baixa auto-estima. Inclusive se essa pessoa for você.
11.
Tornar-se adulto/a é algo mais que completar 21 anos. Pode acontecer a qualquer tempo — ou nunca.
A porta de entrada para o mundo adulto é deixar de se comportar como vítima, chamar a responsa e tomar a vida nas próprias mãos.
12.
Com frequência, as coisas só vão fazer sentido muito tempo depois.
Deixe sua história de vida falar.
13.
Quando um ambiente ou uma relação só traz à tona o que você tem de pior, melhor sair fora.
Duas pessoas agarradas uma à outra em desespero juntas se afogam.
14.
Você não pode ajudar uma pessoa que não quer ser ajudada. Isso inclui você mesmo/a.
15.
Se você sente que o que está fazendo não tem nada a ver com você, pare. Vá fazer outra coisa.
Poucas coisas são tão desesperadoras quanto desistir de si mesmo/a.
16.
Com frequência, o modo como as pessoas te tratam não tem a ver com o que pensam a seu respeito, mas com a história de vida delas e com o que está acontecendo com elas naquele dia.
Para o bem ou para o mal, você não é o centro do mundo de mais ninguém.
17.
Com frequência, o que você acha que as pessoas pensam e sentem a seu respeito é o que você pensa e sente a seu respeito.
18.
Mesmo que só dê merda, melhor ser quem você é, fiel a seus sentimentos e necessidades, do que tentar agradar ou imitar os outros.
Quando deixamos de nos proteger por trás de máscaras, permitimos que o atrito com a realidade nos transforme. Ainda que a gente passe um tempo em carne viva.

19.
Se você estiver numa balada psicodélica, olhar para o lado e achar que todo mundo está olhando para você, aí de repente o rosto das pessoas começa a derreter e elas começam a se transformar em monstros, não saia correndo desesperado/a atrás da ambulância, certo de que ela é um portal entre dois mundos. Procure respirar lenta e profundamente.
Em algumas horas, o efeito passa.

20.
Se estiver se sentindo arrasado/a, você experimentará o lugar mais bonito como o inferno. Se estiver bem com você mesmo/a, qualquer cantinho sujo será o paraíso.
21.
Do mesmo jeito, você pode ter muito dinheiro e se sentir péssimo ou, ao contrário, ter pouco dinheiro e se sentir bem.
Mas não se engane: por mais que dinheiro, em si, não traga felicidade, uma sensação de segurança material e financeira, no nosso modelo de sociedade, costuma ser decisiva para que você respire em paz.
22.
Tem muita coisa na vida que não dá para mudar, por mais determinados que sejamos. Sempre é possível, porém, mudar o modo como vemos as coisas.
O passo decisivo é aprender a trocar de narrativa.
23.
Nosso corpo precisa de nutrição saudável, repouso e atividades físicas.
Do mesmo jeito, nossa mente necessita de atividade (treino da atenção), alimentação saudável (conteúdo e relações enriquecedoras), descanso (sono, meditação) e play (brincadeira, aventura, criação, jogo, fruição e faz de conta).
24.
Se você não aprende a lidar com as diferenças nem a investir nas relações mesmo quando mergulham em períodos sombrios, cedo ou tarde, vai começar a se sentir muito só.
25.
A porta de entrada para o caminho espiritual é compreender que essa pessoa que somos, com sua história de vida, com todos os seus sentimentos, desejos, medos, fantasias e sonhos de felicidade, também vai morrer.
E aprender a viver com isso.

*por André Camargo

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Que tal você ousar fazer

O passo a mais que, longe, muito longe, damos a cada caminhada é o que nos coloca mais próximos de tudo o que ainda podemos ser.

A tentativa além, um pouco mais além, de todas as que já fizemos é a que mais claramente revela do que somos capazes e até onde poderemos chegar.

Quantos de nós nos entregamos antes mesmo de tentar.

Pela simples dificuldade de perceber que é possível ultrapassar o limite do círculo que em torno de nós e ao longo da vida traçamos.

Quantas vezes estivemos na iminência de girar a maçaneta da porta que nos levaria da escuridão à claridade e não o fizemos, simplesmente por não aceitar o impulso livre, soberano e intuitivo que conduzia nossas mãos a girar.

Por não crer na liberdade, nos impulsos da alma e na própria intuição.

Quantas vezes hoje você ouviu seu coração?

Sem temer,
sem limitar,
sem pré-conceber,
sem pré-julgar,
sem se prender,
deixando-se levar pelo prazer de descobrir, correr riscos e realizar.

Pobre de quem põe a nuvem do medo diante dos olhos. Que prefere fugir a se dar o direito de praticar o sonho.

Tem aquele que, sem saber que era impossível, foi lá e fez. Esta é sua vez. O verdadeiro poder é de quem ousa.

Ouse fazer!

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

O que eu sei do amor…

Amor é desobedecer Newton e dois corpos ocuparem um mesmo espaço, um mesmo tempo, um mesmo abraço. Amor é receber o que não se pede, mas o que se espera, é ter vaga preferencial, é ser o número na chamada de emergência, é não se preocupar com o leito depois do meio dia. Amor é acreditar em horóscopos, é desistir dos infernos astrais e atrair os sorrisos mais bonitos para enfeitar os domingos. Amor é ter o que ser quer quando mais se precisa, é a promessa de andar de mãos dadas, é o silêncio que não incomoda, mas vira pretexto para encontros labiais. Amor é não deixar os sonhos do outro dormirem, e adiar nossos planos para complementar as buscas de quem amamos. Amor é não precisar marcar nada no calendário, é brigar com o relógio e abraçar forte para atrasar a segunda-feira. Amor que é amor, não é amor apenas no verão, é um sentimento que te faz tão feliz que a tristeza já nem lembra mais de existir. Amor é poesia dos suspiros alheios, é tudo que se encontra nos livros e nada que se compare a vida real, é tato que afeta, é olhar que traduz, é um sem querer querendo. Amor é tirar a roupa como quem tira os cabelos dos olhos, é fechar o vestido e guarda a camisa, é deixar o rastro do cheiro pelos travesseiros e confessar o desejo para os lençóis. Amor é amar sem precisar se preocupar com o tamanho da eternidade, e se ainda assim me perguntarem o que é amor eu direi que te amar é tudo que eu sei.

terça-feira, 20 de setembro de 2016

As cruzes do caminho

Você já deve ter reparado, no curso das rodovias federais e estaduais, um sem fim de cruzes espalhadas ao longo dos inúmeros quilômetros que ligam as pontas de nosso país.
Em geral, elas assinalam um acontecimento trágico ocorrido naquele trecho da estrada: um atropelamento, um choque entre veículos, um tombamento de caminhão, cujo desfecho é a morte de uma ou mais pessoas.
Elas também registram, de forma singela, a tristeza, o pesar daqueles que padecem a saudade da ausência física de seus amores.
Estradas, tantos quilômetros... e tantas cruzes.
Silenciosas, discretas... Ali está o memorial em respeito à lembrança de alguém. Para nós, um desconhecido, mas que foi muito amado por ser filho, filha, esposo, esposa, pai, mãe.
Erigidas em meio à pressa, à velocidade, erguem-se em respeito à saudade, às recordações, às lágrimas.
Quantas cruzes deixamos às margens do nosso caminho?
Quantas lágrimas deixamos correr soltas, quantos arrependimentos sepultados, amarguras, desilusões, frustrações?
Jesus, o Mestre Nazareno, sentenciou: Se alguém quiser me seguir, negue a si mesmo, tome a sua cruz e me siga.
Cada cruz que deixamos em nossos caminhos, ainda que referenciem as dores e os sofrimentos pelos quais passamos, ajudam a contar os passos que demos para chegar onde estamos e para sermos o que somos.
As cruzes deixadas representam a morte de um antigo eu, a fim de que possamos renascer mais experientes, mais sábios, mais preparados para os novos desafios.
Na Epístola aos Efésios, colhemos: Renunciai à vida passada, despojai-vos do homem velho. Renovai sem cessar o sentimento da vossa alma e revesti-vos do homem novo, criado à imagem de Deus, em verdadeira justiça e santidade.

*    *   *

Para cada cruz em nossa jornada, uma despedida.
Ainda que com lágrimas, pouco a pouco damos adeus ao nosso orgulho, à nossa maledicência, à vaidade, ao desamor, à falta de caridade e fé.
Em toda cruz, paulatinamente, vamos deixando para trás o homem velho, os velhos hábitos, os antigos preconceitos.
A cada cruz, a exemplo do Rabi da Galileia, entregamos nas mãos do Pai nosso Espírito em marcha, o qual ruma em direção à verdade, ao bem e à felicidade.
As cruzes, ao longo das rodovias, representam apenas um breve adeus, uma vez que a vida jamais cessa, os laços fraternos jamais se desfazem e não há dúvidas quanto ao reencontro com nossos amores, no outro plano da existência.
Da mesma forma, as cruzes que deixamos no curso de nosso caminho representam lágrimas passageiras, dores que não são eternas, visto que o norte de nossa jornada é a felicidade, o bem, a paz.
Tomemos as nossas cruzes, os nossos desafios, os nossos medos, os nossos infortúnios e sigamos o Cristo.
As cruzes às margens de nossas jornadas e as que carregamos são os desafios que a Providência Divina sabe sermos capazes de superar. Com elas aprendemos e através delas nos renovamos.

Pensemos nisso! Confiemos!

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

A galinha

Numa granja, uma galinha se destacava entre todas as outras por seu espírito de aventura e ousadia. Não tinha limites e andava por onde queria. O dono, porém, estava aborrecido com ela. Suas atitudes estavam contagiando as outras, que já a estavam copiando.

Um dia o dono fincou um bambu no meio do campo, e amarrou a galinha a ele, com um barbante de dois metros. O mundo tão amplo que a ave tinha foi reduzido a exatamente onde o fio lhe permitia chegar. Ali, ciscando, comendo, dormindo, estabeleceu sua vida. De tanto andar nesse círculo, a grama dali foi desaparecendo. 

Era interessante ver delineado um círculo perfeito em volta dela. Do lado de fora, onde a galinha não podia chegar, a grama verde, do lado de dentro, só terra.

Depois de um tempo, o dono se compadeceu da ave, pois ela, tão inquieta e audaciosa, era agora uma apática figura. Então a soltou.

Agora estava livre! Mas, estranhamente, a galinha não ultrapassava o círculo que ela própria havia feito. Só ciscava dentro do seu limite imaginário. Olhava para o lado de fora mas não tinha coragem suficiente para se aventurar a ir até lá. E assim foi até o seu fim.

Nascemos tendo nossos horizontes como limite, mas as pressões do dia-a-dia fazem com que aos poucos nossos pés fiquem presos a um chão chamado rotina. Há pessoas que enfrentam crises violentas em suas vidas, sem a coragem de tentar algo novo que seja capaz de tirá-las daquela situação. 

Admiram os que têm a ousadia de recomeçar, porém, elas próprias buscam algum culpado e vão ficando dentro do seu "círculo".

O mercado sempre coroa com reconhecimento aqueles que inovam, criam chamam a atenção. O segredo do sucesso está na criatividade. 

Criar é pôr em prática algo que não existe. É correr o risco. Isto é fato, mas como se poderá saber o final da história se não se caminha até o fim?

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

DEUS... Nunca Erra!

Um rei que não acreditava na bondade de DEUS. Tinha um servo que em todas as situações lhe dizia: Meu rei, não desanime porque tudo que Deus faz é perfeito, Ele não erra!
Um dia eles saíram para caçar e uma fera atacou o rei. O seu servo conseguiu matar o animal, mas não pôde evitar que sua majestade perdesse um dedo da mão.
Furioso e sem mostrar gratidão por ter sido salvo, o nobre disse: Deus é bom? Se Ele fosse bom eu não teria sido atacado e perdido o meu dedo
O servo apenas respondeu: Meu Rei, apesar de todas essas coisas, só posso dizer- lhe que Deus é bom; e ele sabe o por que de todas as coisas
O que Deus faz é perfeito. Ele nunca erra! Indignado com a resposta, o rei mandou prender o seu servo. Tempos depois, saiu para uma outra caçada e foi capturado por selvagens que faziam sacrifícios humanos.
Já no altar, prontos para sacrificar o nobre, os selvagens perceberam que a vítima não tinha um dos dedos e soltaram-no: ele não era perfeito para ser oferecido aos deuses.
Ao voltar para o palácio, mandou soltar o seu servo e recebeu -o muito afetuosamente. Meu caro, Deus foi realmente bom comigo! Escapei de ser sacrificado pelos selvagens, justamente por não ter um dedo!
Mas tenho uma dúvida: Se Deus é tão bom, por que permitiu que você, que tanto o defende, fosse preso?
Meu rei, se eu tivesse ido com o senhor nessa caçada, teria sido sacrificado em seu lugar, pois não me falta dedo algum. Por isso, lembre-se: tudo o que Deus faz é perfeito
Ele nunca erra! Muitas vezes nos queixamos da vida e das coisas aparentemente ruins que nos acontecem, esquecendo-nos que nada é por acaso e que tudo tem um propósito. Todas as manhãs, ofereça seu dia ao Senhor Jesus...
Peça para Deus inspirar os seus pensamentos, guiar os seus atos, apaziguar os seus sentimentos. E nada tema, pois DEUS NUNCA ERRA!!!
Sabe porque você recebeu essa mensagem ? Eu não sei, mas Deus sabe, pois Ele nunca erra.......
O caminho de Deus é perfeito e a sua palavra sem impureza. Ele é o caminho de todos que nele confiam, como diz em 2º Samuel – 22 – 31.
Com certeza essa mensagem chegou em boa hora até você. Deus esta colocando em seu coração o desejo de enviar essa mensagem para alguém. faça isso não se envergonhe você irá mandar para pessoa certa Deus sabe disso muito bem, sabe por que ?
Deus nunca erra ! Que você tenha uma maravilhosa semana!

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Vencer-se

Vencer o medo, vencer o fracasso, vencer a depressão, a ansiedade, colocar sentidos na sua vida, apontar rumos e direção, ter motivação para viver, eis a grande tarefa do ser humano, amar-se para poder amar sem medidas. 

Hoje é dia de reflexão, de pensar um pouco mais, de dar pequenos passos em direção a felicidade, sair da casca que te prende ao "mesmo", fazer diferente, mudar, buscar outros caminhos, e nessa busca de melhoria interior, você pode:

- ouvir uma nova música,
- ler um livro diferente,
- conversas com um desconhecido,
- ir por outra direção,
- andar a pé, ou pegar um ônibus errado,
- escrever uma poesia, ou uma dissertação,
- visitar um hospital, doar sangue,
- passar uma tarde nas ruas, na praia,
- estender a mão para quem precisa muito mais,
- descobrir que o seu umbigo não é o centro do mundo,
- fazer uma oração de agradecimento, sem pedir nada...

Pare, pense, realize, mude, experimente-se, descubra que além da dor existem recados, toques divinos chamando para uma nova postura, você deve descobrir o motivo de estar aqui, e perceber que você é sim, muito importante.

Pode e deve fazer a "diferença", pode e deve, amar e ser amado, sem pesos e sem medidas, descobrir que o mundo sempre será. do tamanho que você deseja ser, pois em você brilha um sol de infinitas POSSIBILIDADES. Hoje é dia de vencer a si mesmo e conquistar!

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Pedido de casamento

Desde que te conheci tive a certeza de que havias surgido para ser a mulher da minha vida, para a minha vida toda. A única e eterna, a mais amada dentre todas as outras do mundo, aquela a quem eu deveria dedicar todo o meu carinho e atenção. Passaram-se, dias, semanas e meses, e o tempo apenas reforçou a minha primeira opinião, pois foste-te mostrando, cada vez mais, a criatura mais doce e bela que o Criador colocou na face da terra. Proporcionas-me tudo o que eu poderia desejar encontrar num ser humano, pois dás-me carinho, conforto, atenção e tranquilidade. Dás-me alegria de cada vez que sorris ou olhas para mim, e dás-me prazer de cada vez que tocas a minha pele com as tuas mãos e com os teus beijos. Eu sei que te amo e não sinto o peso de carregar todo este amor no meu coração porque, pelo contrário, é este amor que me dá força e coragem para suportar o peso de todos os contratempos e adversidades do dia a dia. Quando penso em ti revitalizo o meu espírito e renovo os meus sonhos de futuro, e tu fazes sempre parte desses sonhos. Aliás, se não fosse assim, não seriam sonhos! Tenho a certeza de que este período em que estamos juntos é o período mais belo e feliz que já vivi. Quando surgiste vieste preencher um espaço que eu nem desconfiava que estava vazio, que eu nem imaginava que existia. Hoje, olho para o passado e percebo o quanto a minha vida era oca, o quanto o meu quotidiano era entediante e quanto tempo eu perdia em conversas vãs ou em outras atividades que não acrescentavam nada à minha essência. O teu amor transformou-me, e hoje faz com que eu perceba o mundo e as perspectivas futuras sob uma nova óptica, uma óptica que privilegia os esforços cooperados e o desejo de conquistar para, depois, dividir. Dividir contigo, desfrutar contigo o resultado das boas colheitas. Por tudo isso, minha querida, é que eu preciso fazer-te uma pergunta e espero que ela não te traga surpresa ou espanto, mas apenas alegria, como também me trará a maior alegria do mundo se eu tiver uma resposta positiva para ela... Queres casar comigo?

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Felicidades mil

Um dia parei, pensei um pouco e vi, senti que aquilo que eu era para os outros eles não eram para mim.

Não havia reciprocidade de sentimentos.

Então eu comecei a procurar. a buscar alguém que idealizei naquilo que me faltava.

Busquei alguém que não tivesse só Sensibilidade Corporal. que tivesse Sensibilidade Espiritual também, alguém que soubesse se fazer importante e com isso me fazer importante também, que sentisse falta de mim... 

Alguém que tivesse capacidade de lembrar momentos passados, não com tristezas, mas com alegrias, como se aqueles momentos ainda fossem acontecer. alguém que se ajudasse e se deixasse ajudar, alguém que soubesse ler e entender os olhos dos outros, que amasse o sol tanto quanto a lua e as estrelas.

Busquei alguém, alguém que soubesse admirar uma flor, que soubesse traduzir a mensagem que os pingos da chuva nos trazem, alguém que soubesse sonhar que fosse criança pelo menos um pouquinho. alguém que brincasse. que não escondesse suas emoções ao ouvir uma música. alguém que tivesse defeitos e virtudes, eu não queria nenhum modelo de perfeição.

Busquei alguém que me aceitasse tal qual sou, que tivesse ideias e lutasse por elas. alguém que falasse de si e também me ouvisse. alguém que tivesse espírito jovem e que o mesmo fosse contagiante.

Que procurasse sentir os outros em toda a sua essência.
Eu busquei alguém que fosse gente.

Eu busquei alguém que fosse humano.

Sei, eu busquei alguém que eu admiro e tenho um profundo sentimento.

E hoje desejo tudo de bom e que realmente você seja muito feliz.

Mil beijos.

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Um ótimo dia

Um novo dia vem te buscar, portanto que seja um bom dia. Antes de fazer qualquer coisa, agradeça ao Pai da vida, por você ouvir, ver, pensar e sentir. E mesmo, se porventura, algum sentido lhe faltar, você já encontrou outras maneiras de perceber a magia de viver. Hora de acordar sua esperança, despertar sua confiança, e levantar para um novo dia. Alegre-se em fazer parte do milagre da raça humana e, no grande teatro aproveitar a oportunidade que Deus lhe deu. É hora de emocionar-se com os primeiros fios de luz do sol, que vêm te procurar. Apareça para a luz deste novo dia, de bem com sua história. Faça um contraponto ao sol, com brilho pessoal. No ar, mais uma vez, o seu carisma, a sua simpatia, a sua inteligência, o seu talento, sua beleza, sua simplicidade e, principalmente, sua generosidade. Não se esconda e nem represe seus dons e habilidades. Mostre-se sempre com tudo o que você tem de melhor. As outras pessoas que te assistem merecem esse espetáculo. Entregue-se sem medo a arte de ser e de fazer feliz. Viva sem vergonha de ser feliz! A vida é o melhor presente que você recebeu.

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Reciclagem de vida

Não sei se a vida se recicla. Não, talvez não. Mesmo se após um tempo de reflexão decidimos mudar nossa vida, seremos sempre nós mesmos no fim. Mudados, mas nós. Com todas as marcas e cicatrizes para que não nos esqueçamos do que fomos.

Sabemos que jamais poderemos recolar os pedaços das coisas vividas e construir novas. Colchas de retalhos são muito bonitas, mas não passam de colchas de retalhos. Remenda-se panos, recola-se papel ou vidro, mas não se remenda vidas, não se recola momentos passados, coisas que deixamos pra trás. 

Recomeçar? Sim. Recomeçar é possível, mesmo (e felizmente!) se já não somos os mesmos. Aprendemos, à custa de dor, mas aprendemos. Não cometeremos duas vezes os mesmos erros, não beberemos a mesma água.

Durante anos vivemos como se não tivéssemos outras alternativas. A vida é assim, é o destino. Mas nosso destino, nós fazemos. Nossas prioridades, escolhemos e aprendemos a viver com elas. E só depois, mais tarde, é que nos questionamos sobre o fundamento das nossas escolhas. Há pessoas que acham que é tarde demais para mudar e continuam na mesma linha, mesmo se conscientes de que talvez esse não tenha sido o melhor caminho. Homens e mulheres que se mataram a vida toda para ganhar dinheiro terminam muitas vezes a vida sozinhos, cheios de dinheiro, vazios de amor.

E felizes há aqueles que descobrem que ainda é tempo para fazer alguma coisa. E que podem redefinir as próprias prioridades e assumi-las. Vai doer, mas vai valer a pena, porque no fim das contas vamos ter a consciência tranquila de que tentamos. Um dos piores sentimentos que existem é o de não poder recapturar um momento que gostaríamos que tivesse sido diferente.
O eu de hoje não teria feito isso ou aquilo, mas o que eu era ontem não sabia o que sei agora. Se soubesse, teria cometido menos erros. Mas temos um Deus tão bom e tão grande que Ele está sempre nos oferecendo a oportunidade de nos redimir e fazer novas escolhas. 

E agora? Agora sabemos. Não vamos pegar atalhos. Eles podem ser atraentes, mas nos impedirão talvez de aproveitar as belezas da jornada. O caminho da vida é bonito, apesar de ser mais difícil para uns que para outros.
Mas é bonito se sabemos tirar o máximo do que é bom. Noites escuras podem nos fazer ver mais claramente as estrelas. Só veremos o nascer do sol se acordarmos cedo. Coisas simples que a natureza nos ensina. 

Reciclagem de vida? Talvez sim. Talvez sejamos, no fim das contas, uma colcha de retalhos da vida. Mas que sejamos então uma bela colcha nova enfeitando um quarto, um coração, talvez mesmo muitos corações e muitas vidas, a começar por nós mesmos.

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Nem tudo é fácil

É difícil fazer alguém feliz, assim como é fácil fazer triste.
É difícil dizer eu te amo, assim como é fácil não dizer nada.
É difícil ser fiel, assim como é fácil se aventurar.

É difícil valorizar um amor, assim como é fácil perdê-lo para sempre. É difícil agradecer pelo dia de hoje, assim como é fácil viver mais um dia. É difícil enxergar o que a vida traz de bom, assim como é fácil fechar os olhos e atravessar a rua.

É difícil se convencer de que se é feliz, assim como é fácil achar que sempre falta algo.
É difícil fazer alguém sorrir, assim como é fácil fazer chorar.
É difícil colocar-se no lugar de alguém, assim como é fácil olhar para o próprio umbigo.
Se você errou, peça desculpas... 

É difícil pedir perdão? Mas quem disse que é fácil ser perdoado? Se alguém errou com você, perdoa-o...
É difícil perdoar? Mas quem disse que é fácil se arrepender?

Se você sente algo, diga... É difícil se abrir?
Mas quem disse que é fácil encontrar alguém que queira escutar?
Se alguém reclama de você, ouça...
É difícil ouvir certas coisas?
Mas quem disse que é fácil ouvir você?!
Se alguém te ama, ame-o...

É difícil entregar-se?
Mas quem disse que é fácil ser feliz?!
Nem tudo é fácil na vida...
Mas, com certeza, nada é impossível...
Precisamos acreditar, ter fé e lutar para que não apenas sonhemos, mas também tornemos todos estes sonhos, realidade.

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Anjo de minha vida

Mesmo no feriado tem a mensagem do dia.
Abaixo o texto de hoje. Espero que goste!

César


Mente quem diz: que os anjos só existem nos céus. Eles estão entre nós. Vestem-se de roupagens humanas, se misturam no meio de nós e, às vezes, nem percebemos. Nos observam com os seus olhinhos brilhantes, doces, meigos, irradiando a cada dia a sensação de plenitude escondida em cada segundo vivido. Descem aos montes para nos ensinar o verdadeiro sentido da palavra amor. Se espalham por entre as flores, árvores, pelos corredores, pela cidade afora e, por onde passam, chamam a atenção pela luminosidade de seu sorriso. Encantam... Surpreendem... E nos emocionam. Não gostam de fazer alarde, pois preferem os pequenos gestos, pequenos atos de grandes proporções capazes de mudar o sentido de nossas vidas. Existe um anjo que me ama e existe um amor que é infinito. Sem você, meu anjo, nada seria como o é. Sem você, meu amor, nada seria como o é.Deus me deu você meu anjo pra que eu pudesse ser ainda mais feliz 
e eu sou. Conte sempre com o meu amor e a minha amizade, 
jamais duvide da sua importância para mim viu?

terça-feira, 6 de setembro de 2016

Certezas

Não quero alguém que morra de amor por mim…

Só preciso de alguém que viva por mim, que queira estar junto de mim, me abraçando.

Não exijo que esse alguém me ame como eu o amo,
quero apenas que me ame, não me importando com que intensidade.

Não tenho a pretensão de que todas as pessoas que gosto, gostem de mim…

Nem que eu faça a falta que elas me fazem, o importante pra mim é saber que eu, em algum momento, fui insubstituível…

E que esse momento será inesquecível...

Só quero que meu sentimento seja valorizado.

Quero sempre poder ter um sorriso estampando em meu rosto, mesmo quando a situação não for muito alegre…

E que esse meu sorriso consiga transmitir paz para os que estiverem ao meu redor.

Quero poder fechar meus olhos e imaginar alguém…
E poder ter a absoluta certeza de que esse alguém também pensa em mim quando fecha os olhos,
que faço falta quando não estou por perto.

Queria ter a certeza de que apesar de minhas renúncias e loucuras,
alguém me valoriza pelo que sou, não pelo que tenho…

Que me veja como um ser humano completo, que abusa demais dos bons
sentimentos que a vida lhe proporciona, que dê valor ao que realmente
importa, que é meu sentimento… E não brinque com ele.

E que esse alguém me peça para que eu nunca mude, para que eu nunca
cresça, para que eu seja sempre eu mesmo.

Não quero brigar com o mundo, mas se um dia isso acontecer, quero ter
forças suficientes para mostrar a ele que o amor existe…

Que ele é superior ao ódio e ao rancor, e que não existe vitória sem humildade e paz.

Quero poder acreditar que mesmo se hoje eu fracassar, amanhã será outro dia,
e se eu não desistir dos meus sonhos e propósitos,
talvez obterei êxito e serei plenamente feliz.

Que eu nunca deixe minha esperança ser abalada por palavras pessimistas…

Que a esperança nunca me pareça um “não” que a gente teima em maquiá-lo de verde e entendê-lo como “sim”.

Quero poder ter a liberdade de dizer o que sinto a uma pessoa, de poder
dizer a alguém o quanto ele é especial e importante pra mim,
sem ter de me preocupar com terceiros…

Sem correr o risco de ferir uma ou mais pessoas com esse sentimento.

Quero, um dia, poder dizer às pessoas que nada foi em vão…

Que o amor existe, que vale a pena se doar às amizades e às pessoas,
que a vida é bela sim, e que eu sempre dei o melhor de mim…

E que valeu a pena.

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Motive-se

Ora, a fé é a certeza das coisas que se esperam, e a prova das coisas que não se veem.

Uma das fraquezas da mente que mais acometem-nos é o desânimo. Há pessoas que têm planos, sonhos – muitos dos quais muito bons e nobres – mas que, ao primeiro percalço, simplesmente desistem.

Mas, o que você faz para motivar-se? Fica vendo as últimas tragédias policiais na TV? Lê tudo que é previsão do fim do mundo e comentários da maldade humana? Qual foi o último pensador construtivo que você leu?

A primeira coisa a fazer é livrar-se dos entulhos mentais que abocanham a vontade e a criatividade: ociosidade, preguiça, incredulidade, complexo de inferioridade e pessimismo.

Automotivação é essencial para prosseguirmos em nossos objetivos. Você quer ser seu próprio patrão? Parabéns! Mas quais seus recursos e convicções, quando chegarem as exigências que esta nobre aspiração lhe exigirão?

Você quer uma promoção? Ótimo! Mas se seus motivos são meramente o de ostentar poder, status ou mais dinheiro, faltar-lhe-á as armas morais que todo verdadeiro líder deve possuir, quando tiver que enfrentar críticas, invejas e outros obstáculos inerentes à liderança.

Afinal, para onde levarão suas convicções? Se você não as tem, para lugar nenhum, ou melhor, para o fracasso!

Se você crê que pode ser útil à humanidade, que Deus lhe fez especial e único, que pode contribuir com seus semelhantes, então reflita:

1. O único derrotado é aquele que desistiu de lutar.

2. Motivação não se acha, se faz.

3. Por mais limitados que sejamos, precisamos da convicção de que fazemos diferença, para melhor, neste mundo.

4. Para alcançar grandes sonhos, não podemos dispensar as forças do amor, da fé, da esperança – e juntarmos a elas a perseverança e diligência contínuas.

5. Não é só no trabalho profissional que encontramos grandes possibilidades de realizações. Seja voluntário em uma causa nobre, você certamente encontrará novos desafios!

6. Pare de ler mediocridades e concentre-se em absorver os pensamentos daqueles que mudaram (para melhor), o mundo.

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Um dia descobrimos

Um dia descobrimos que beijar
uma pessoa para esquecer outra
é bobagem.
Você não só não esquece
a outra pessoa como pensa muito
mais nela...

Um dia nós percebemos que as
mulheres tem instinto "caçador" e
fazem qualquer homem sofrer...

Um dia descobrimos que
se apaixonar é inevitável...

Um dia percebemos que as
melhores provas de amor
são as mais simples...

Um dia percebemos que
o comum não nos atrai...

Um dia saberemos que ser
classificado como o "bonzinho"
não é bom...

Um dia perceberemos que
a pessoa que nunca te liga
é a que mais pensa em você...

Um dia saberemos
a importância da frase:
"Tu te tornas eternamente responsável
por aquilo que cativas..."

Um dia percebemos que
somos muito importantes para alguém,
mas não damos valor a isso...

Um dia percebemos como
aquele amigo faz falta,
mas aí já é tarde demais...

Enfim... Um dia descobrimos
que apesar de viver quase um século
esse tempo todo não é suficiente
para realizarmos todos os nossos sonhos,
para beijarmos todas as bocas
que nos atraem, para dizer tudo
o que tem que ser dito naquele momento.

Não existe hora certa para dizer
o que sentimos se quem estiver
te ouvindo não te compreender,
não te merecer...

O jeito é: ou nos conformamos
com a falta de algumas coisas
na nossa vida
ou lutamos para realizar
todas as nossas loucuras...

Quem não compreende um olhar
tampouco compreenderá uma
longa explicação.

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Vida nova

Novo Mês ! Setembro, Chegou! Vida Nova!
Acredite nisso, busque isso...ouse sonhar!
Bom dia, muito bom ter você aqui novamente!

César




Você quer mudanças. Você pede prosperidade.

Mas acorda, vai ao espelho e não vê novidades.

A vida transcorre igual pálida, sem a energia que você Gostaria.

Sua voz interior sopra "Vida Nova", mas tudo parece difícil e distante.

A culpa fica por conta do patrão, da sogra, do governo, da falta de sorte,

Aí você resolve mudar! Bem... "Mas só segunda-feira",

"Dia 1 º", "depois das férias" ...

Não raro, fatores condicionais Prevalecem outros:

"Se eu tivesse dez anos menos", "se eu ganhasse na loteria" ou "quando eu me casar", "Quando eu me aposentar" ...

Desculpas não faltam, não é mesmo?

Hoje pode ser um novo dia. Basta você querer.

SE FIZER As Mesmas Coisas de ontem, obterá os mesmos resultados de agora.

Então, é preciso agir diferente e, claro, com ousadia positiva e forte determinação.

Afinal, Deus nunca vai fazer por você aquilo que você mesmo pode fazer ...

Chega de enrolar a si próprio! É preciso agir!

É preciso decretar as mudanças que tanto almeja!

"Mudar significa inovar", alterar costumes, Processar com coragem e força de vontade as transformações que se fazem NECESSÁRIAS.

Chega de assistir à vida passar do alto da cômoda cadeira dos críticos!

Chega de se colocar na condição de vítima!

Você pode e sabe que pode Melhorar a sua vida.

A conquista de uma Vida Nova Requer persistência e autoconfiança.

Mas exige, sobretudo, que você elimine de vez o vício de tudo adiar entendendo, definitivamente que está mais do que na hora de mudar...

Aprendi a não bater de frente com quem só entende o que lhe convém

Uma das coisas mais desagradáveis que ocorrem é sermos mal entendidos, quando o outro deturpa nossas palavras ou nossas atitudes, desconte...